O empregador pode determinar seu período de férias

Mas saiba que tudo pode ser conversado e é possível fazer acordos com os superiores

O empregador pode determinar seu período de férias | <i>Crédito: Shutterstock
O empregador pode determinar seu período de férias | Crédito: Shutterstock
“Meu chefe não liberou as minhas férias para o período que eu pedi. Isso é certo?”


Apesar de ser um direito de todo trabalhador, o período de férias pode ser, sim, determinado pelo empregador. Por isso, se você
quiser tirar férias em dezembro e a empresa decidir por outubro, por exemplo, vale o que o seu chefe determinar. Mas saiba que tudo pode ser conversado e é possível fazer acordos com os superiores. O que na realidade o empregador não pode decidir é a venda das
férias. Portanto, se você não quiser utilizar o período todo para descansar e decidir vender parte dos dias, comunique à empresa até 15 dias antes da data do aniversário do seu contrato. Feito isso, depois de acertar com seu chefe em qual período suas férias serão concedidas, você receberá (antes da sua saída) o valor proporcional aos dias que vai utilizar em descanso e também o valor referente aos dias vendidos, se for o caso. Outra coisa: o trabalhador pode vender, no máximo, dez dias de férias.


Fonte: GILBERTO DE JESUS BENTO JUNIOR, advogado e presidente da Bento Jr. Advogados


Envie suas perguntas aos nossos especialistas pelo e-mail anamaria@maisleitor.com.br

26/12/2016 - 10:00

Conecte-se

Revista Ana Maria