Mitos e verdades sobre os florais de Bach

Você conhece essa terapia e sabe de onde vem e como funciona?

Izabel Duva Rapoport

Feito para desenvolver equilíbrio orgânico e emocional | <i>Crédito: Shutterstock
Feito para desenvolver equilíbrio orgânico e emocional | Crédito: Shutterstock

A terapeuta floral Marcia Rissato, da Mona's Flower, responde algumas dúvidas sobre o uso dessa terapia criada pelo médico inglês Edward Bach. Segundo ele, assim como as pessoas, as plantas têm aspectos positivos e negativos - harmoniosos entre eles. E, para desenvolver esse equilíbrio também no ser humano, criou os florais. Entenda essa terapia:

O que é medicina de Florais?
Terapia floral é um sistema de tratamento à base de 38 flores descobertas na Inglaterra, na década de 30, pelo médico inglês Edward Bach. Ele afirmava que muitas doenças físicas são resultado da desarmonia entre corpo, mente e alma. Os florais, feitos a partir de plantas silvestres da Inglaterra, tratam essas causas de maneira sutil. 

Homeopatia e Floral de Bach são a mesma coisa?
Não, são tratamentos totalmente distintos. 

É preciso orientação médica ou o consumo é livre? 
Não precisa de orientação médica, mas é importante que a pessoa tenha consciência de que o floral trata apenas as causas. A doença física, quando instalada, deve ser tratada por um profissional de saúde. 

Veja também:
Formas de lidar com o luto
Haloterapia: a terapia do sal
O doutor Google nem sempre ajuda...

Florais servem apenas para cuidar de sintomas emocionais?
As emoções humanas são complexas de identificar, por isso a ajuda de uma terapeuta floral com formação adequada é muito importante para ajudar a identificar a causa dos sofrimentos e tratá-los de maneira correta. Os florais não tratam os sintomas físicos e, sim, a causa deles. Por exemplo, crises de gastrite podem ser geradas por ansiedade. Os florais agem na ansiedade e não na gastrite.

E, assim como na ansiedade, podem agir em quais outras situações na vida?
Sentimentos como medo, luto, traumas, ciúmes, desânimo e desequilíbrio emocional podem ser tratados com a ajuda dos florais.

Podem ser utilizados diariamente? Até quantos florais podem se misturar? 
Sim, podem ser utilizados todos os dias para tratar de diversas situações. Podemos misturar até 6 florais de cada vez. Indico usar o floral diluído para ajustar sentimentos que possam surgir no meio do tratamento. O concentrado deve ser usado quando identificamos traços de personalidade, em casos de emergência, quando se encontrar em estado negativo ou tiver aquela sensação de “perder o rumo”.

Quais são os florais indicados para sintomas tão presentes na rotina das pessoas, como cansaço físico e estresse, por exemplo?
- Para perda de controle e pessoas agressivas:Cherry Plum

- Para a impaciência e pessoas nervosas todo momento: Impatiens

- Para pânico e pessoas com medo de tudo: Rock Rose

- Para preocupação excessiva com os outros e para pessoas apegadas demais: Red Chestnut

- Para apego, carência excessiva e pessoas dependentes: Chicory

- Para ter foco e concentração, para pessoas dispersas: Clematis

- Para ter objetivo e ajudar a entender o propósito de vida: Wild Oat

- Para cansaço físico e mental, para pessoas esgotadas: Olive

- Para autoconfiança e pessoas desacreditadas: Larch

- Para momentos de mudanças e pessoas sensíveis: Walnut

Onde encontrá-los e qual a média de preço?
Em farmácias de manipulação e de homeopatia é possível encontrá-los diluídos em frasco de 30 ml’s. Algumas vendem o concentrado. Vale conhecer a Mona’s Flower, importadora dos Florais de Bach Originais, que são colhidos e envasados na Inglaterra pelo Laboratório Homeopático Nelsons. Os valores podem variar de acordo com o local, porém, o frasco diluído costuma ser mais em conta do que o concentrado. A validade também é diferente. Depois de aberto, o concentrado tem validade de 5 anos e o diluído dura 1 mês.
 

09/05/2018 - 14:28

Conecte-se

Revista Ana Maria