Mofo, manchas, cheiro ruim... Reverta os principais problemas das roupas!

Descartar a peça do armário só por causa de uma mancha? Que nada! Saiba reverter ou evitar os problemas dos tecidos para que eles durem mais

Ana Bardella

Dá pra reverter muita coisa! | <i>Crédito: Shutterstock
Dá pra reverter muita coisa! | Crédito: Shutterstock

É sempre uma frustração ver aquela blusa linda esquecida no fundo do guarda-roupa por causa de um defeito mínimo. Manchas, um pontinho amarelado ou de mofo... Tudo isso tem solução! Com opções tão caras nas lojas, o melhor é não desperdiçar e tentar driblar esses problemas com truques caseiros. Carol Rosa, personal organizer, dá o caminho das pedras para fazer suas peças ficarem com cara de novas outra vez:

Mofo e cheiro de guardado

Procure higienizar as peças separadamente em casa. Se ainda assim o problema persistir, o serviço de uma lavanderia profissional pode ser uma boa opção. Para que a situação não se repita, a dica é guardar as roupas sempre bem secas e higienizadas. No caso de lençóis ou casacos grandes, use capas metade plástico e metade tecido, para proteger a roupa sem abafá-la. Pedras de cedro podem ajudar a conter o mofo.

Manchas difíceis

É só ver uma manchinha que você já pensa logo na água sanitária para resolver o problema? Cuidado: até mesmo nas peças brancas esse produto químico pode acabar desgastando os tecidos. A recomendação é aplicar água morna com uma medida de produto tira-manchas, deixar agir por alguns minutos e, em seguida, esfregar. Depois, siga com a lavagem normal, na máquina. Caso sinta necessidade, acrescente mais uma medida de tira-manchas ao sabão em pó.

Roupas amassadas

Quer coisa pior do que tirar uma peça toda embolada do armário? O trabalho é dobrado: passar, guardar e passar antes de sair. Para evitar, guarde-as assim:

  1. Camisas: principalmente aquelas do tipo finas e sociais amassam com muita facilidade. Pendure com cuidado e deixe os botões fechados para não perder o formato.
  2. Tricôs: costumam ser mais pesados. Por isso, prefira guardá-los dobrados, caso contrário seu peso pode acabar danificando a peça.
  3. Calças: o ideal é deixá-las penduradas dobradas ao meio, na parte reta do cabide. O espaço é pequeno? Deixe-as dobradas, já que não amassam tão facilmente.
  4.  Camisetas: dobre-as e acomode-as em forma de cascatas nas gavetas. Deixe a parte estampada aparente para identificá-las facilmente na hora de usar. Evite fazer rolinhos, pois isso pode danificar as peças.

09/04/2018 - 10:00

Conecte-se

Revista Ana Maria