Entre em forma antes do verão!

Especialistas do programa Além do Peso, da Record, ensinam o caminho das pedras para você conquistar o corpo que tanto deseja

Júlia Arbex

Entre em forma antes do verão! | <i>Crédito: Shutterstock
Entre em forma antes do verão! | Crédito: Shutterstock
Alimentação saudável, exercícios físicos regulares, exames clínicos em dia e autoestima elevada. Segundo os quatro especialistas do reality show de emagrecimento Além do Peso, da Record (que já está na 5ª temporada), essa é a fórmula para perder peso de forma sustentável e viver com mais qualidade de vida – pois não adianta emagrecer e descuidar da saúde e do bem-estar. Os consultores do programa lançaram o livro 12 Semanas para Emagrecer e Viver Melhor (Ed. Academia, R$ 26,50), no qual dão o passo a passo para você entrar em forma em três meses. Que tal aproveitar que falta exatamente isso para o verão chegar e entrar nessa?!


SEMANA 1
Eleve a autoestima

A primeira semana serve  para você colocar a “casa” em ordem. Para isso, nada melhor do que escrever tudo – tudo mesmo, até o que você belisca – no papel. Segundo os profissionais, anotar a rotina alimentar faz com que enxerguemos com mais clareza quais são os
nossos erros. Desse jeito, a gente consegue selecionar melhor o que levamos à boca.


SEMANA 2
Escolha o que é melhor para você

O objetivo aqui é estabelecer metas e refletir sobre nossas escolhas. Após uma semana, você já vai notar mudanças no corpo e vai gostar bastante do resultado. Então, aproveite o ânimo e não coma alimentos cheios de açúcar, gordura e bebidas alcoólicas. Faça um lanche entre as principais refeições do dia e ande sempre com uma garrafinha de água. Inclua na dieta vegetais escuros, como
couve, espinafre, agrião e escarola, além de feijão, lentilha, grão-debico e cereais integrais. Exercício físico também não pode ficar de fora, viu? Fale com seu médico e veja o que mais se encaixa no seu perfil. Os especialistas recomendam alongamento e
caminhada ou corrida por meia hora, duas vezes por semana.


SEMANA 3
Cuidado com a autossabotagem

Todo mundo passa por momentos difíceis e estressantes a ponto de, às vezes, querer desistir de tudo. É muito comum as pessoas, na iminência de falhar e na incerteza do que vem a seguir, renderem-se à primeira tentação. Por isso, comprometa-se a não chutar o balde nos primeiros obstáculos. Confie mais em você e pense sempre no resultado final.


SEMANA 4
Busque informações de qualidade

Na internet a gente vê muita gente falando sobre dietas, atividades físicas e qualidade de vida. Mas será que todas essas informações são mesmo boas e confiáveis? A dica aqui é selecionar profissionais e veículos de comunicação que entendam pra valer do assunto e o tratem com responsabilidade.


SEMANA 5
Exercite o autocontrole

A família e os amigos podem, sim, conspirar contra seu sucesso, ainda que sem querer. Todo mundo conhece alguém que vive falando que dieta é bobagem e que devemos aproveitar a vida. Se estiver vivendo isso, diga quais são seus objetivos e que conta com eles para alcançá-lo. Mas também não precisa ser antissocial e começar a recusar convites. O que os autores recomendam
é comer antes de sair de casa para não sentir tanta fome nas festinhas. E, quando for beliscar, modere na quantidade...


SEMANA 6
Desafie-se

Agora que já se acostumou a comer melhor e o sedentarismo ficou pra trás, é hora de um desafio: você pode não perceber, mas as pessoas próximas estão vendo as mudanças na sua rotina. Isso significa que você está virando uma referência para os outros. Portanto, faça uma aposta com algum familiar ou amigo (só não vale apostar comida, hein?) e convide-o para acompanhá-la nos exercícios. Isso vai deixá-la mais animada e confiante!


SEMANA 7
Controle o estresse

A dica pra viver melhor é se estressar apenas com coisas que realmente importam. Para entrar nessa, faça um exercício: pegue um papel e escreva coisas que mereceriam o incômodo. Depois, ponha os fatores que causam essas situações e o que você pode fazer
para resolvê-las. Isso ajuda a perceber duas coisas: a primeira é que a maioria dos problemas que você alimentou como se fosse um monstro tem solução; a segunda é que dificilmente você conseguirá citar cinco fatores estressantes de verdade. Ao se dar conta disso, a vida ficará muito mais leve.


SEMANA 8
A palavra-chave é autoconhecimento

Nesta etapa, você já vai sentir aquele gostinho de estar transformando a sua vida para melhor. Chegou a hora de questionar sobre
algumas atitudes, reações e impulsos seus. Faça perguntas como “por que fiquei triste com tal fato?” ou “por que fiquei feliz com aquela situação?” Esse tipo de análise ajuda a lidar melhor com os desafios. À medida que se conhecer melhor, mais será capaz de absorver aquilo que é bom e se livrar do que não serve para o seu bem-estar.


SEMANA 9
Tudo começa do zero, sabia?

Aquela fase do “eu não consigo”, “é muito difícil” já passou. Então, é hora de refletir sobre o que fez você comer compulsivamente no passado e não conseguir emagrecer ou que, quando conseguiu, a levou a engordar tudo de novo. Seu relacionamento ia mal? Não curtia o trabalho? Seja o que for, saiba que agora você tem o controle da situação. A confiança é um importante trunfo!


SEMANA 10
Não há motivo pra desanimar

É natural que agora você não esteja emagrecendo como antes. Mas como manter o foco?
✔ Não desista. Tenha certeza de que seu esforço até agora valeu muito a pena.
✔ Evite fazer adaptações radicais, como comer menos e intensificar os exercícios físicos. Não vai adiantar e pode até colocar
tudo a perder!


SEMANA 11
Pode comemorar!

Além de estar perto da sua meta, você também pode começar a celebrar como o relacionamento com o seu companheiro e até mesmo com familiares e amigos melhorou. Se tiver filho pequeno, vai ver como estará mais presente na vida dele e ativa para acompanhá-lo nas atividades. Após ver todos esses resultados positivos, estabelecer novas metas vai ficar mais fácil e prazeroso.
E não se esqueça de que o reconhecimento é todo seu, garota!


SEMANA 12
Aja com racionalidade

O corpo é como uma esponja de emoções: absorvemos muito do que está ao nosso redor. Então, agora que você criou uma nova rotina, precisa saber gerenciar melhor seus sentimentos. Quando passar por algo difícil, em vez de surtar e pensar negativo, faça
de tudo para minimizar a gravidade do problema. Ao agir com racionalidade, você conseguirá analisar a situação e, consequentemente, encontrará a melhor maneira de lidar com ela.

23/12/2016 - 14:00

Conecte-se

Revista Ana Maria