Leve marmita e emagreça comendo bem

Motivos não faltam para você cozinhar e transportar sua própria comida. O principal deles é perder peso com uma alimentação pra lá de saudável!

Ana Bardella

Leve marmita e emagreça comendo bem | <i>Crédito: Shutterstock
Leve marmita e emagreça comendo bem | Crédito: Shutterstock
Comer na rua é um problema, principalmente para quem está firme no propósito de emagrecer. As tentações estão por toda parte, a pressa atrapalha na hora de escolher o restaurante... Isso sem contar a grana gasta todos os dias – em média, o brasileiro desembolsa R$ 30,48 pra fazer uma refeição completa fora de casa. Barato, não é! Por esses e outros motivos, uma das recomendações dos especialistas em emagrecimento é, sempre que possível, preparar e levar uma quentinha aos lugares. Para ajudá-la a cultivar esse hábito saudável, recorremos aos Vigilantes do Peso. No livro Faça & Leve Suas Refeições (R$ 40), elaborado pela empresa, você encontra uma lista com todos os benefícios, além de receitas bem gostosas e práticas. Dá pra começar hoje mesmo!

1 Tudo sob controle
Ao preparar os alimentos em casa, você mesma seleciona os ingredientes e evita os itens que são prejudiciais à saúde e à dieta. Também, fica fácil regular o açúcar, o sódio e os conservantes.

2 Economia de tempo
A gente sabe como a vida anda corrida. Então, para que passar um tempão na fila ou esperar até que o prato fique pronto? Levando de
casa, dá para desfrutar dos sabores tranquilamente, e as chances de pular refeições por estar atrasada diminuem.

3 Qualidade garantida
Abastecer a despensa com frutas, legumes e verduras da estação, tudo fresquinho, não tem preço. Assim, você diminui o consumo de
alimentos industrializados, que sabotam o regime.

4 Mais liberdade
Não é preciso passar pelo estresse de uma praça de alimentação lotada para comer. Você pode planejar uma ida à praia, um piquenique com os colegas do trabalho ou simplesmente almoçar sozinha, em um parque silencioso, sem se preocupar.

5 Muito mais sabor
Personalizar as refeições de acordo com as suas preferências é uma das maiores vantagens do hábito de fazer a comida em casa e levar com você. Comer com prazer deixa tudo mais gostoso!

6 Fim do desperdício
Já foi comprovado que a população joga quilos e quilos de alimento fora todos os anos. Ao preparar suas refeições, você calcula as medidas que serão consumidas e consegue reaproveitar sobras dos dias anteriores. Tudo isso ajuda a poupar uma grana!

7 Economia comprovada
De acordo com especialistas, quando uma pessoa leva marmita diariamente, pode economizar até metade do que gastaria indo a
restaurantes. Quem resiste a esse argumento? 

8 Exemplo pra família
A prática incentiva bons hábitos para todos que estão próximos a você. Experimente envolver as crianças no planejamento, na preparação e na embalagem das refeições também! Elas vão achar superdivertido, além de comerem melhor.


Receitas pra levar
Viu como é bom fazer uma marmitinha? Confira, a seguir, três receitas para você preparar, levar e comer sem culpa!

Sopa gratinada de cebola
1 colher (sopa) de azeite
2 cebolas em rodelas
2 dentes de alho
1 colher (chá) de tomilho fresco
1 ½ cubo de caldo de carne com 0% de gordura dissolvido em 3 xícaras (chá) de água
2 colheres (chá) de vinagre de xerez
¼ de colher (chá) de pimenta-do-reino
120 g de alcatra grelhada e em tiras
4 fatias de pão integral light (torradas e partidas em quatro pedaços)
½ xícara (chá) de parmesão ralado light

Modo de preparo
Em uma panela, aqueça o azeite. Adicione as cebolas e cozinhe, mexendo de vez em quando, por uns 12 minutos – caso elas
comecem a grudar no fundo, abaixe o fogo. Junte o alho amassado e o tomilho e cozinhe por mais um minuto, mexendo sempre.
Adicione o caldo de carne, o vinagre e a pimenta. Deixe levantar fervura. Abaixe o fogo e ferva por 10 minutos sem tampar. Junte a carne. Antes de servir, divida em quatro refratários, cubra cada um com um pedaço de pão e polvilhe o queijo. Pra gratinar, leve os potinhos ao forno elétrico, preaquecido a 180 ºC, de dois a três minutos, até o queijo dourar. Para levar, divida a sopa em recipientes bem fechados e armazene na geladeira por até três dias. Utilize embalagens plásticas separadas para transportar o pão
e o queijo. Na hora de servir, leve o pote ao micro-ondas por dois ou três minutos, em temperatura alta, para que o queijo derreta
e a sopa esquente bem.

Dica: faça para o jantar!



Gratinado de almôndegas de peru com polenta

Ingredientes

240 g de champignon
480 g de peito de peru moído sem pele
¼ de xícara (chá) de farinha de rosca
2 ovos batidos
1 colher (chá) de orégano
¼ de colher (chá) de sal
¼ de colher (chá) de pimenta-do-reino preta
480 g de polenta cozida e cortada em 12 tiras
450 g de tomates italianos picados
¾ de xícara (chá) de mussarela light ralada
2 colher (sopa) de parmesão light ralado

Modo de preparo
Preaqueça o forno a 200 °C. Forre uma assadeira com papel-alumínio e unte com óleo. Com um processador, pulse os cogumelos até ficarem em pedaços bem pequenos. Transfira para uma tigela grande e adicione o peru, a farinha de rosca, os ovos, o orégano, o sal e a pimenta. Misture bem e faça 24 almôndegas (cada uma com mais ou menos 2 colheres de sopa). Arrume na assadeira. Asse até ficarem douradas – por cerca de meia hora. Enquanto isso, esquente uma frigideira, passe óleo nas tiras de polenta e grelhe cada lado por quatro minutos. Unte seis refratários grandes. Junte duas tiras de polenta, quatro almôndegas e cerca de ¼ de xícara (chá) de tomates em cada um. Em seguida, salpique 2 colheres (sopa) de mussarela e 1 colher (chá) de parmesão por cima de cada refratário. Asse até os queijos derreterem. Sirva na hora ou deixe esfriar completamente. Para levar, cubra com papel-alumínio e
armazene na geladeira por até três dias. Para reaquecer, retire o papel-alumínio e leve ao micro-ondas por três minutos.

Dica: ótima ideia de almoço!



Vitamina de manga e gengibre

Ingredientes
1 xícara (chá) de iogurte natural desnatado
1 manga grande madura
¾ de xícara (chá) de água fria
1 ½ colher (chá) de suco de limão
¼ de colher (chá) de gengibre fresco ralado
½ colher (chá) de raspas de limão

Modo de preparo
Em um liquidificador, ponha todos os ingredientes e bata bem até que se misturem por completo. Divida em 2 copos ou em garrafas térmicas individuais.

* O nome original da receita é Lassi de manga e gengibre

Dica: lanchinho gostoso!



No nosso site bit.ly/2bqcgn8 tem outras duas receitas: uma para variar o café da manhã e outra para emergências!

31/10/2016 - 16:00

Conecte-se

Revista Ana Maria