10 regras de moda que você pode (e deve) quebrar

Com a ajuda de um especialista, derrubamos as “leis” do mundo fashion que determinavam como deveríamos nos vestir. Agora você pode usar o que quiser!

Júlia Arbex

10 regras de moda que você pode (e deve) quebrar | <i>Crédito: Shutterstock
10 regras de moda que você pode (e deve) quebrar | Crédito: Shutterstock
“Gordinha deve usar roupa lisa e escura”
“As peças estampadas podem, sim, aumentar a silhueta, mas é possível usá-las a seu favor! Por isso, se estiver incomodada com o peso, invista em versões florais, triangulares e pontudas, pois elas dão forma ao corpo. Por outro lado, evite roupas com bolinhas, principalmente se elas forem grandes”, explica Marcio Banfi, professor e coordenador de curso da pós-graduação em styling e imagem de moda da Faculdade Santa Marcelina (FASM). Outro detalhe importante é a cor de fundo do tecido: as estampas com essa área escura afinam e as de fundo claro, dão aparência de mais volume.

“Veludo e brilho só à noite”
“Se for trabalhar ou passear no shopping, e não no parque, durante o dia, dá para usar. Não quer chamar atenção? Coloque um casaco ou um blazer de veludo ou paetê, pois você pode tirar essas peças a qualquer momento”, aconselha.

 “Nunca misture estampas”
Que nada! “Para não correr o risco de errar, mescle estampas orgânicas, que são aquelas indefinidas e fluidas, com as geométricas. Vai ficar um charme!”, diz.

 “Quanto mais biju, muito melhor”
“Depende... Se não combina com seu estilo, você pode virar um carro alegórico. Vai de maxicolar? Para que reparem no acessório, use um brinco discreto”, recomenda.

“Sapato e bolsa da mesma cor”
Isso é passado! “Agora, a moda é descombinar: quanto mais cor, mais moderno ficará o look. Se não conseguir usar bolsa rosa com sapato azul (que fica lindo), zero problema. Aposte em cores complementares, como verde com laranja, azul com vermelho, preto com branco”, explica.

“Mulher gorda não deve usar cropped”
Quem disse? “Quem está acima do peso precisa de uma peça do tamanho dela (nem grande nem pequena demais), independentemente se for curtinha ou não. Para deixar as gordurinhas no lugar, basta usar o top cropped da dimensão certa com uma calça, saia ou short de cintura no lugar ou alta. Nada de cintura baixa. Esses modelos apertam e aumentam o que não deve”, esclarece. 

“Acima do peso? Nada de roupa com listras horizontais”
As listras horizontais engordam e as verticais emagrecem, mas elas caem bem em todos os corpos! Para Banfi, as gordinhas devem usar apenas uma peça com listras horizontais e não o look total. “No lugar do vestido, que alarga a silhueta por inteiro, combine uma blusa de listras com calça jeans, por exemplo. Além disso, evite traços fininhos, pois aumentam o volume”, diz. 

“Preto com marrom e azul-marinho, não”
Saiba, preto com azul-marinho é uma combinação superchique para qualquer ocasião. Já o preto com marrom, se não souber usar, pode não ficar harmonioso. “Neste caso, o ideal é vestir peças que tenham essas cores em pequenas quantidades, como um detalhe. Se quiser, faça com que uma das cores componha 80% do visual e a outra, apenas 20%. Então, vai usar um vestidinho preto? Combine com um sapato marrom”, exemplifica. 

“Nada de short com bota”
“Essa composição pode ficar muito linda, sim! Porém, para isso, a área que tem pele (no caso, a canela e a coxa) deve ficar mais exposta do que a parte do corpo que está coberta. Logo, se for usar uma bota de cano alto, coloque um short mais curtinho. Se o modelo da bota é de cano curto, pode apostar em um short um pouco mais comprido”, avisa Banfi. 

“Fica feio usar jeans com jeans”
“Sempre aconselho vestir ambas as peças da mesma lavagem como, por exemplo, calça jeans azul-clara com uma jaqueta jeans do mesmo tom. Mas, se preferir, também dá para usar com lavagens diferentes. Jeans é sempre bem-vindo!”, finaliza.  

02/08/2017 - 10:00

Conecte-se

Revista Ana Maria