'A Fazenda 12': Lucas Maciel questiona como conseguir calmantes e assistência médica

Youtuber declarou que está se sentindo fadigado mentalmente

Da Redação Publicado terça 27 outubro, 2020

Youtuber declarou que está se sentindo fadigado mentalmente
'A Fazenda 12': Lucas Maciel questiona como conseguir calmantes e assistência médica - Reprodução/Instagram

A tensão do jogo em 'A Fazenda' parece estar começando a afetar alguns peões psicologicamente. Após fazer um desabafo durante a última festa, na qual mencionou que está pensando em deixar o reality show, Lucas Maciel quis saber como conseguir um calmante. 

Durante um bate-papo com Raissa Barbosa, o youtuber perguntou à amiga como ele poderia receber assistência médica. 

A equipe de Lucas usou a conta oficial do influenciador no Twitter para divulgar o ocorrido. 

"Lucas pediu desculpas para Tete e ainda falou que está fadigado mentalmente... que solicitou calmante para a produção", disseram. 

Os fãs do rapaz fizeram questão de mostrar apoio ao participante: "Nosso menino não tá bem né, torcendo pra que tudo fiquei bem logo", disse um. "Só quem sofre com ansiedade sabe. Força, garoto!", declarou outro. 

LUIZA AMBIEL 

Hoje é dia de formação de roça na 'Fazenda 20'! Sendo assim, os peões se reuniram para conversar, nesta segunda-feira (27), a respeito da última eliminação da casa, a qual mandou Luiza Ambiel para fora da competição. 


Mateus Carrieri analisou algumas questões a respeito da postura da eterna musa da 'Banheira do Gugu' dentro do reality show, enquanto Biel prepara o café da manhã. 

 "A Lu chorou o programa todo. É um descontrole emocional", disse o ator. 

O funkeiro rebateu o comentário:  "Mas não é porque não é normal pra gente que não é normal, né?". 


Mateus explicou o seu ponto de vista:  "Mas atrapalha a vida. Eu aprendi muito a respeitar doenças psíquicas. Depois que você tem pessoas na família, aprende a respeitar. Você vê a pessoa chorando e não entende o motivo. Mas doença da cabeça é a doença do século e é difícil."

O vocalista concordou com a opinião do veterano da TV: "É até bom falar nisso pra ser exemplo pra quem tem esse preconceito". 

O artista seguiu com o seu raciocínio: "Até acontecer com você próprio ou alguém próximo... A cabeça comanda o corpo. É como uma dor de cabeça. Se você sente dor, toma remédio. Mesma coisa". 

Último acesso: 28 Nov 2020 - 09:52:17 (1128745).