AnaMaria
BBB / BBB

BBB 22: Jessilane arma plano contra brothers e Eliezer concorda: “Boa jogada"

Sozinha com Eliezer, Jessilane revela estratégia para próxima formação de paredão

Da Redação Publicado em 13/04/2022, às 15h51

Jessilane arma plano contra brothers e Eliezer concorda: “Boa jogada" - Reprodução/Globoplay
Jessilane arma plano contra brothers e Eliezer concorda: “Boa jogada" - Reprodução/Globoplay

Única mulher da casa mais vigiada do Brasil e com apenas um aliado, Jessilane decidiu ir por um caminho ousado na sua próxima estratégia de jogo e bolou um plano nesta quarta-feira (13).

Ao Eliezer convidar a professora de biologia para almoçar, ela recusou e permaneceu na área externa. Então, ela revelou seu plano.

“Se a gente tiver Líder, a gente puxa um a outro, e se a gente tiver contragolpe, a gente também puxa um a o outro. É a nossa última cartada”, propôs, retomando a estratégia sugerida por ele antes. "É dois de nós contra um deles", completou.

O designer concordou com a sister: "Acho que é uma boa jogada". 

O objetivo deles é forçar o grupo de Arthur Aguiar, Douglas Silva, Gustavo, Paulo André e Pedro Scooby a votar entre si e enfraquecer a amizade entre eles”.

Após a eliminação de Natália nesta terça-feira (12), Gustavo havia pensando que se estivesse na liderança no lugar da dupla, faria a mesma coisa.

GUSTAVO PREVIU

Após a eliminação de Natália na última terça-feira (12), os brothers Gustavo, Arthur, Paulo André Douglas Silva e Pedro Scooby já começaram a pensar no próximo paredão.

Na hidromassagem, o curitibano, sem saber da estratégia dos rivais Eliezer e Jessilane, refletiu sobre o que a dupla deveria fazer na próxima formação de paredão. 

"Se eu fosse um dos dois ali e ganhasse a liderança na quinta, eu indicava meu aliado. Acho que eles podem até conversar sobre isso. Se a Jessi pegar o Líder, ela indica o Eli. E se o Eli pegar o Líder, já indica a Jessi", ponderou o bacharel em Direito.

A estratégia de Gustavo gerou confusão em Arthur Aguiar, que questionou o motivo do pensamento do brother. 

Ele explica: "Porque obriga a gente a se votar na sexta-feira. Se um deles ganha o Líder e indica um de nós, a gente vai votar no outro".

Arthur, no entanto, disse ver outro caminho. “Mas o Contragolpe pode ser nosso também, e a gente vai ter que puxar alguém”, refletiu.

"Por isso mesmo. É para criar indisposição. Se eu sou um dos dois e pego o Líder na quinta, eu combinaria isso", disse Gustavo, por fim.