AnaMaria
BBB / Decidido

‘BBB21’: Após formação de paredão, Gil desabafa sobre Viih Tube: ''Não consigo votar nela''

O brother afirmou que a youtuber não é sua primeira opção

Da Redação Publicado em 19/04/2021, às 14h05 - Atualizado às 14h05

Viih Tube indica Gil na formação de paredão - TV Globo
Viih Tube indica Gil na formação de paredão - TV Globo

A formação de paredão do 'BBB21', na noite deste domingo (18), foi tensa. Cada um dos brothers precisou fazer duas indicações e parece que algumas decisões de votos não agradaram tanto a certos participantes, como foi o caso de Pocah e Juliette - que acabaram discutindo após o ao vivo

No entanto, mesmo após ter ido diretamente para a berlinda pelo voto da Líder, sem direito a bate-volta, Gil do Vigor não parece estar decepcionado com Viih Tube

Em uma conversa com Juliette no quarto colorido, o brother afirmou que apesar da “cachorrada” com a amiga, os dois não trocam votos e isso o fez repensar suas prioridades no jogo.

A paraibana listou seus aliados e, aflita, desabafou sobre o medo de precisar votar nos amigos: "Camilla, Vitória, tu, João, Fiuk. Tu e João tá no mesmo canto pra mim. Eu tava olhando vocês dois e pensando: 'No dia que eu tiver que votar em um dos dois, meu Deus do céu'. Espero que não chegue essa hora".

"De verdade, não tô falando isso pra agradar. Se um dia tiver que votar, quem você votar, eu não vou ficar chateado", respondeu o brother.

Gil ainda acrescentou que, nesse momento, não consegue votar na youtuber: "É que nem Viih, não consigo votar na Viih de primeira”.

"De segunda [opção]. Eu falei pra ela, dois paredões, mas ainda assim, se eu sou líder, ela não é minha primeira opção”, complementou o economista, afirmando que a youtuber não é sua primeira opção dentro da casa.

Apesar de sentir o jogo apertar cada vez mais, Juliette torceu para que não precise indicar nenhum de seus aliados: "Eu espero que as circunstâncias do jogo não me façam ter que votar em vocês".

Gil finalizou revelando a tristeza que sentiu no confessionário e pontuou que daqui para frente será ainda mais complicado: "Quando tem que votar, a gente vai votar com dor no coração. Não é que não goste da pessoa. [...] Você, Fiuk, eu não consigo, não. Hoje eu chorei porque votei no Arthur. É difícil".