AnaMaria
BBB / Eita!

'BBB22': Natália gera polêmica ao opinar sobre escravidão: "A gente era bom"

Natália deu uma declaração polêmica sobre escravidão no Brasil

Da Redação Publicado em 18/01/2022, às 11h39

Natália conversando com os brothers - Reprodução/Globoplay
Natália conversando com os brothers - Reprodução/Globoplay

O ‘BBB 22’ começou na última segunda-feira (17) e já tem participante gerando polêmica. Durante um bate-papo na cozinha, Natália, do grupo Pipoca, disparou que negros são ‘fortes e eficientes’ e por isso se tornaram escravos.

“Eu sou preta. Realmente, tem a história que a gente veio e viemos como escravos sim. Por que? Porque a gente era eficiente. Porque a gente era forte”, começou a sister, convicta.

“Por que a gente veio como escravo? Porque a gente era bom no que a gente fazia. Se colocasse, talvez, uma pessoa lá para fazer aquilo, não conseguiria. Entendeu?", finalizou, dando voz para Naiara Azevedo, que também quis comentar o assunto.

A cantora relembrou de um momento quando participou do programa ‘Encontro’, da TV Globo, em que foi muito criticada pela forma que elogiou uma mulher preta. “O povo veio me matando por eu ter elogiado uma mulher negra”, revelou.

“Eu disse que ela era f*** e disseram: 'Ah, você está surpresa de ver uma mulher negra inteligente?' Me chamaram de preconceituosa e se tem uma coisa que não sou é preconceituosa", explicou a sertaneja.

Em seguida, Natália voltou a comentar o assunto, completando que o racismo não se restringe apenas ao Brasil. “Vocês acham forte que o racismo existe aqui, mas lá fora é pior, muito pior. Quando falarem 'você é preto', responde: 'sou sim, sou preta mesmo!' E acabou", ressaltou.

Vale lembrar que a escravidão teve ínicio no Brasil em 1530, nas primeiras décadas da colonização. Os indígenas foram escravizados antes da chegada de navios com negros escravizados da África, que chegaram em 1535 em Salvador, na Bahia. O objetivo era suprir a mão de obra necessária nas colônias, sem nenhuma remuneração, moradia e condições básicas.

Os escravizados foram submetidos a produzir cana-de-açúcar, construir casas, engenhos, igrejas e servir como empregados para os colonos brancos. Além disso, o Brasil foi o último país a abolir a escravidão nas Américas, após anos de atos violentos de brancos contra negros.

QUEM É NATÁLIA?

Mais um participante para o grupo dos 'Pipoca'! Natália Deodato é novinha, de apenas 22 anos, é mineira, de Belo Horizonte. Modelo e designer de unhas, a musa começou a trabalhar muito cedo, com 9 anos. Hoje, ela trabalha com a mãe em um salão de beleza, mas seu grande sonho é ser atriz. Será que vem aí?

De personalidade forte, a mineira afirma que as pessoas terão que respeitá-la. Ela se posiciona sempre que precisa e, principalmente, quando se encontra em uma situação desrespeitosa. Além disso, ela ama ter liderança e poder nas mãos. Eita!

Para Natália, o 'BBB' é a chance de mudar a vida da família: “Eu vou lutar até o fim com todas as minhas forças para ganhar esse prêmio”.

QUEM É NATÁLIA?

A mineira afirma que se considera "capricorniana nata" e afirma que a vida que leva a tornou uma mulher forte e independente de quem se orgulha muito. “Eu tenho 22 anos e já vivi muitas coisas que uma mulher de 30 não viveu. Nada na minha vida foi fácil, sempre foi difícil, mas no final dava certo”, disse. Após descobrir que tem vitiligo, demorou para entender quem era, mas hoje tem uma boa autoestima.

A musa está solteiríssima, porém ela não busca um relacionamento por agora. Apesar disso, ela está se permitindo conhecer pessoas novas. Hmmm, será?

NO 'BBB'

A designer de unhas se considera observadora, competitiva, quando o assunto é jogo. Além disso, ela afirma que nada é capaz de intimidá-la.

Participar do 'BBB' sempre foi seu sonho e, desde os 18 anos, ela se inscreve para participar.

CURIOSIDADES

A designer de unhas, de 22 anos, participante do grupo Pipoca, começou a trabalhar aos 8 anos fazendo bombons para vender e desde criança, sempre sonhou em trabalhar na TV como atriz ou apresentadora. Casou aos 15 anos e se divorciou aos 18. Atualmente, a mineira está solteira.

Ao Portal ‘Gshow’, ela contou ter um 'crush' no rapper Xamã e já mandou mensagens para ele nas redes sociais, mas não teve resposta: “Meu sonho era dar uns beijos nele”.

Ela revelou que já ficou com quatro famosos: um ator, um modelo e dois cantores, além disso, ela tem perfil em aplicativos de relacionamento, mas, segundo ela, prefere flertar pelo Instagram

Natália disse que colocou silicone nos seios depois de ter sonhado com os peitos novos. "Quando acordei, falei: ‘Já sei, vou colocar peito!’. Saí de casa nesse dia, fiz todos os exames e procurei um médico", afirmou.

A modelo não tem nenhuma tatuagem, e nem tem vontade de fazer. Para ela: "Meu vitiligo é minha tatuagem e já é perfeito". Seu maior ídolo é o cantor Michael Jackson. "Me inspirou muito, principalmente no início do meu vitiligo, em relação à força. Até hoje tenho ele como inspiração", pontuou Natália.

Como na vida nem tudo são flores, ela já enfrentou muitos ‘perrengues’, e o maior deles foi quando viajou para São Paulo em busca de oportunidades de trabalho apenas com uma mochila nas costas e precisou dormir num banco da rodoviária.

Até a adolescência usava os cabelos alisados. Aos 15 anos, decidiu fazer a transição capilar e assumir os cachos. Antes de entrar no BBB22, colocou tranças de cerca de 80 centímetros.