AnaMaria
BBB / Sucesso!

'BBB22': Vinicius, do grupo Pipoca, ultrapassa 1 milhão de seguidores no Instagram

Vinicius é o primeiro do grupo pipoca do 'BBB22' a alcançar a marca de 1 milhão de seguidores no Instagram

Da Redação Publicado em 15/01/2022, às 11h12

Vinicius é o primeiro do grupo Pipoca a conquistar 1 milhão de seguidores no Instagram - Instagram/ @vyniof
Vinicius é o primeiro do grupo Pipoca a conquistar 1 milhão de seguidores no Instagram - Instagram/ @vyniof

Os nomes dos participantes do 'Big Brother Brasil 22' foram divulgados na última sexta-feira (14), ao longo da programação da TV Globo, e movimentou as redes sociais.

Tanto que os integrantes do grupo Pipoca viram o número de seguidores crescer rapidamente no Instagram. O bacharel em Direito, Vinicius, que o diga!

O jovem ganhou a simpatia do público e, neste sábado (15), já ultrapassou a marca de um milhão de seguidores. Fã declarado de Anitta, o cearense nem imagina que até a ídola também passou a segui-lo na rede social. Vinicius, vale lembrar, é o primeiro do Pipoca a bater a marca.

“Tu crê que isso é de verdade? Num é sonho não? Armaria, meu povo, um milhão de lampiõezinhos ofuscando até os satélites da NASA. Nosso menino merece demais! O ‘pobi’ vai ficar é doido se souber disso [risos]... Fica aqui nosso agradecimento especial a cada um de vocês!”, escreveu a equipe do brother.

QUEM É ELE?

Vinicius nasceu em Crato, Ceará. Mora com o pai, a avó materna e a tia em uma pensão da família. Desde criança é bagunceiro; estava sempre na diretoria da escola por aprontar.

Apesar disso, sempre foi muito dedicado e tirava notas altas. Desde muito jovem se virava para ajudar em casa: vendia doces, atuava como professor particular, monitor de colégio público e até cantor de velório.

É bacharel em Direito, mas não pretende advogar. Trabalha no restaurante da família e faz vídeos para ganhar uma renda extra nas redes sociais. Ele conta que usa histórias tristes para fazer humor.

Vinicius também pensa rápido e tem resposta para tudo: “Para discutir comigo é bom vir com água e um banquinho, porque não arrego”, comenta.