AnaMaria
BBB / Eita!

Naiara Azevedo entrou no ‘BBB22’ com dívidas milionárias, diz colunista

Cantora Naiara Azevedo estaria devendo mais de R$ 4,3 milhões

Da Redação Publicado em 19/01/2022, às 11h13

Artista teria entrado no `BBB22` por razões financeiras - Instagram/@naiaraazevedo
Artista teria entrado no `BBB22` por razões financeiras - Instagram/@naiaraazevedo

Naiara Azevedoaceitou o convite para entrar no ‘BBB22’ para alavancar sua carreira na música. Entretanto, esse não seria o único motivo da participação da cantora no reality show. A coluna de Erlan Bastos, do portal EM OFF, apurou que a artista possui dívidas milionárias na Justiça do Paraná e de Goiás e também teria entrado no programa por razões financeiras.

As informações apontam que são ao menos duas dívidas: uma com o Banco do Brasil e outra com uma produtora de eventos. Juntos, os valores cobrados ultrapassariam os R$ 4,3 milhões - quase três vezes o prêmio máximo do ‘BBB22’.

Um suposto documento, referente à primeira pendência, tramita na 4ª Vara Cível do Foro Central de Londrina (PR) e exige que Naiara pague R$ 1.003.732,33 em um prazo de 15 dias. Do contrário, a famosa poderá ter seus bens pessoais penhorados.

O TJ-PR (Tribunal de Justiça do Estado Paraná) teria declarado que a dívida pode ser parcelada em até seis vezes, mediante uma condição: “Reconhecendo o crédito do exequente e comprovando o depósito de 30% (trinta por cento) do valor da execução, inclusive custas e honorários de advogado, poderá o executado requerer seja admitido a pagar o restante em até 6 (seis) parcelas mensais, acrescidas de correção monetária e juros de 1% (um por cento) ao mês.”

Outra dívida milionária de Naiara Azevedo, segundo o colunista, seria um processo movido pela Mega Produções Artísticas, contra a cantora e o ex-marido Raphael Cabral. Dessa vez, o pagamento seria de nada menos que R$ 3.339.044,33.

Tudo indica que, até o momento, a artista teve ‘apenas’ R$ 32 mil bloqueados pela Justiça. Ela e o ex-marido, de quem se separou em agosto de 2021, teriam pedido que os credores aguardassem até o final da pandemia para a quitação da dívida.

Vale destacar que nenhuma das informações foi confirmada ou negada pela assessoria de Naiara, nem por ela mesma, ou pelos tribunais de Justiça responsáveis.