bebes   / Fertilidade

Veja 5 nutrientes importantes para homens que planejam ter filhos

Não são apenas as mulheres que precisam se preparar para a concepção

Da Redação Publicado quinta 16 setembro, 2021

Não são apenas as mulheres que precisam se preparar para a concepção
Não é apenas a mulher que precisa cuidar da fertilidade. - Kelly Sikkema/Unsplash

Você sabia que homens também precisam cuidar da saúde e da alimentação quando se preparam para uma gestação? De acordo com a nutricionista materno infantil Rebeca Scaravelli, alguns nutrientes são fundamentais para melhorar a saúde reprodutiva do homem, tornando os espermatozoides mais saudáveis e, com isso, aumentando as chances de uma gravidez natural. 

"Muitas vezes a infertilidade pode estar relacionada apenas a fatores externos, como um estilo de vida menos equilibrado, estresse, má alimentação, consumo excessivo de álcool, tabaco e coisas do tipo”, destaca.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), atualmente 40% dos casos de infertilidade são registrados em homens. Por esta razão, é necessário que o casal investigue todas as possibilidades quando percebe qualquer dificuldade na concepção.

Rebeca explica que é muito comum ver a mulher se preparar para engravidar. No entanto, a especialista destaca que a saúde do homem também precisa ser levada em conta no momento em que o casal decide que chegou a hora de aumentar a família.

"O homem também precisa pensar na sua rotina, adotar uma dieta saudável e suplementar alguns nutrientes, pequenas mudanças que já podem ser suficientes para resolver o problema de maneira nada invasiva, e ainda proporcionando mais qualidade de vida também no longo prazo", reforça Rebeca.

AnaMaria Digital lista as cinco vitaminas principais a serem suplementadas para os homens.

1. Zinco
Mineral essencial encontrado em grandes quantidades em alimentos de origem animal, como carne, peixe, ovos e crustáceos. De acordo com pesquisadores, esse é um dos pilares da fertilidade masculina, estando associado aos níveis de testosterona e à qualidade do esperma. 

O zinco está diretamente envolvido na capacidade física do espermatozoide se fundir e penetrar um óvulo. Além disso, homens com deficiência neste mineral também costumam ter baixa contagem de espermatozoides, o que ajuda a comprometer a fecundação.

2. Selênio
Presente na castanha-do-pará, no trigo, no arroz, na gema de ovo, na semente de girassol e no frango, o selênio também é um mineral antioxidante essencial para a fertilidade masculina, pois contribui para a morfologia e para mobilidade dos espermatozoides, ou seja, não apenas faz com que as células atinjam um bom tamanho e forma, como as ajuda a nadar, um fator chave na concepção normal.

3. Vitamina C
É um dos antioxidantes mais abundantes no sêmen de homens férteis, contribuindo para a manutenção de espermatozoides saudáveis e protegendo o DNA do esperma dos danos dos radicais livres. Assim como o selênio, foi demonstrado em estudo que dois meses de suplementação de vitamina C pode ajudar a melhorar a mobilidade dos espermatozoides em 92% e a contagem deles em mais de 100%. Também foi observada uma redução de cerca de 50% na proporção de espermatozoides deformados.

4. Vitamina E
Trata-se de uma vitamina solúvel em gordura que ajuda a proteger a membrana celular do esperma dos danos. Estudos demonstram que homens com baixas taxas de fertilização que tomaram suplementos de vitamina E por três meses mostraram uma melhora significativa na taxa de fertilização.

5. Vitaminas do Complexo B (B9 e B12)
As vitaminas do complexo B afetam diretamente a fertilidade masculina e feminina de várias maneiras, sendo as mais importantes a vitamina B9 (também conhecida como ácido fólico) e a vitamina B12. Nos homens, ambas regulam a replicação do DNA no esperma e por isso também devem estar presentes na hora da suplementação.

Último acesso: 19 Oct 2021 - 20:43:14 (1150041).