AnaMaria

Quais são as tendências de cores para os cabelos em 2022? Veja

Especialistas ainda dão dicas de como colorir os cabelos sem complicações

Raquel Borges Publicado em 24/04/2022, às 14h30

Especialistas ainda dão dicas de como colorir as madeixas sem complicações - Pixabay
Especialistas ainda dão dicas de como colorir as madeixas sem complicações - Pixabay

Mudar sempre faz bem, ainda mais a cor do cabelo. E, com a chegada do verão, as tonalidades da estação já começam a borbulhar pelos salões de beleza. As especialistas Gue Oliveira e Bella Assumpção revelam os tons que prometem bombar este ano. E ainda dão dicas de como colorir e cuidar das madeixas sem complicações.

Para as morenas: Os tons mais escuros de castanho, como chocolate e café, vão estar presentes assim
como o moreno iluminado. A tonalidade com reflexos mais naturais, com contorno, luzes dispersas e destacadas e até uma mistura de loiro garante um estilo único e superelegante.

A diferença do castanho chocolate e a morena iluminada é que o primeiro traz aquelas mechas mais marrons, tonalidades bem fechadas, sem muitas exposição. A segunda tem nuances que vão dos dourados até o avelã. “Entretanto, ambas têm um impacto incrível sobre o caimento do rosto. Sem dizer
que as morenas são as favoritas para esses tonalizantes. O contraste com o tom de pele fica simplesmente incrível e o efeito sutil de mechas pode até imaginar que são fios naturais queimados de sol”, conta Gue.

RUIVO ACOBREADO

O cobre também ganha destaque nesta temporada. Algumas pessoas, no entanto, não se arriscam a adotá-lo por achar que a tonalidade não combina ou dá muito trabalho para cuidar. Bella Assumpção desfaz esse mito: “Qualquer uma que deseja pode virar ruiva. O ruivo é uma tonalidade muito versátil que possibilita brincar com as cores e criar um novo visual. Existe um ruivo para cada tonalidade de pele. Quanto aos cuidados, fique tranquila: ele é mais fácil de cuidar do que o loiro, pois você consegue retocá- lo em casa”.

Mas, atenção: antes de colorir, é preciso saber se os fios estão saudáveis. Caso não estejam,
é preciso fazer antes uma reposição de cimento intercelular (tratamento de hidratação profunda para recuperar a fibra capilar). A matização também é indispensável para a manutenção do ruivo. Os retoques variam de acordo com o tom usado na coloração. “O tempo médio de um ruivo é de 30 dias. As tonalidades mais claras tendem a necessitar de um retoque com um tempo menor, já os mais fechados têm maior durabilidade”, finaliza Assumpção.

CONHEÇA AS TÉCNICAS

GOLDEN BLONDE:
mechas naturais com contraste, sempre respeitando o fundo natural de cada cliente, podendo variar entre doce de leite, avelã ou cappuccino.


SURF BLOND: lembra os cabelos parafinados dos surfistas, com um efeito natural de mechas somente nas pontas.

SUNSHINE: o legítimo loiro dos sonhos, pois não se vê muito o fundo natural e o cabelo é praticamente todo descolorido em uma tonalidade bem fria.


SOFT LIGHT: lembra muito o golden blonde, porém as mechas são mais marcadas na raiz, mais largas e com uma variação de cores.

tons de cabelo em alta
Tonalidades em alta/ Getty Images