AnaMaria
Facebook AnaMariaTwitter AnaMariaInstagram AnaMariaSpotify AnaMaria

Como lavar roupa íntima do jeito certo? Separamos dicas preciosas com especialistas

Veja dicas para cuidar das suas roupas íntimas do jeito correto

Ana Caroline Mota Publicado em 20/12/2019, às 07h55

Confira dicas para lavar roupas íntimas do jeito certo - Getty Images
Confira dicas para lavar roupas íntimas do jeito certo - Getty Images

Lavar a própria roupa acaba sendo um assunto tão corriqueiro na vida doméstica de um adulto que muitos acabam se esquecendo da importância de dar aquela atenção especial para as roupas íntimas.

Isso porque calcinhas, cuecas e até sutiãs ficam em contato direto com regiões do corpo que são mais sensíveis a infecções, o que necessita de um olhar mais atento. Logo, a higienização correta faz toda a diferença quando o assunto é saúde.

"É muito importante cuidar bem de peças íntimas para não ter correr o risco de contrair uma infecção fúngica ou bacteriana, como por exemplo, infecção urinária, candidíase ou alergias", alerta a ginecologista e obstetra Carla Iaconelli. 

Pensando nisso, AnaMaria Digital conversou também com o biomédico Roberto Figueiredo, conhecido pelo grande público como Dr. Bactéria, e pegou várias dicas para você fazer o processo de higienização de roupas íntimas de forma correta. Confira!

DE OLHO NA LAVAGEM

Antes de mais nada, separe calcinhas, cuecas e sutiãs em baldes diferentes. Feito isso, deixe as peças de molho no desinfetante doméstico ou no vinagre - que pode ser branco, de álcool a 6% - por 10 minutos. Em seguida, dá para juntar com as outras peças e lavar normalmente na máquina. Tudo porque elas já estarão desinfetadas das bactérias fecais. 

No entanto, o especialista ressalta que existe um sabão mais indicado para lavar essas roupas. "Pode usar o sabonete íntimo, aquele mesmo usado para higienização feminina". Outra opção é utilizar sabão neutro no processo de lavagem, como recomenda Carla. 

DURANTE O BANHO

Ambos ressaltam que o ideal é lavar essas peças na lavanderia, e não no banheiro. Além disso, roupas íntimas não devem ser deixadas no box para secar porque aumentam as chances de infecções.

"A peça pode ficar úmida e acumular esses tipos de patógenos. Para evitar isso, elas devem ser expostas em locais arejados e com ventilação, ou mesmo lavadas novamente na máquina antes de serem usadas", explica Carla. Ou seja: o banho vai funcionar apenas como uma pré-lavagem.

FERRO PARA MATAR BACTÉRIAS

Já quando o assunto é passar as calcinhas e cuecas, os dois destacam que é uma boa opção, pois o calor ajuda a desinfetar. No entanto, lembre-se que nem todos os tecidos podem ser passados a ferro. Aqui, a dica é sempre checar as etiquetas para não estragar.

"Além disso, a vida útil de uma peça depende de alguns fatores, como a quantidade de vezes que usa, se coloca na água sanitária, da qualidade... É preciso sempre avaliar as condições de uso", alerta Dr. Bactéria. 

DICAS EXTRAS

  • Vai viajar? Leve saquinhos plásticos para separar peças íntimas das roupas não usadas. Mas é importante fazer isso desde o primeiro dia de passeio, justamente para que não infectar o restante das vestimentas.
  • Comprou roupa íntima nova? Já pra lavanderia, antes mesmo de usar. "Isso porque a gente não sabe se alguém experimentou, se passou algum bicho ou teve contato com poeira", destaca Dr. Bactéria. Melhor não arriscar.
  • Nada de empréstimos! Calcinhas, cuecas, sutiãs, biquinis, maiôs e sungas jamais devem ser emprestados, pois o risco de você se contaminar com doenças aumenta consideravelmente.
{# Taboola Newsroom #}