AnaMaria
Facebook AnaMariaTwitter AnaMariaInstagram AnaMariaSpotify AnaMaria

Diz aí, Susana: Música é vida!

"É raro o momento da minha vida em que não tem música tocando. Eu ouço o dia inteiro!”

Redação Publicado em 22/10/2015, às 10h00 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h44

Diz aí, Susana! - Rodrigo Lopes
Diz aí, Susana! - Rodrigo Lopes
Olha, gente, se tem um ditado em que eu acredito é “quem canta seus males espanta”.  Espanta mesmo! Adoro cantar. Já gravei disco, cantei em programas de TV, no teatro... mas gosto mesmo de cantar despretensiosamente em casa. É algo mágico e ninguém consegue explicar porque toca tanto a alma! E pode estar ligada às situações difíceis, como solidão, abandono, traição ou situações 
bem alegres e festivas... Sempre nos faz bem!
A música preenche minha vida há muito tempo. Desde que eu era pequena e morava fora do Brasil, meu pai fazia questão de levar discos nacionais para que conhecêssemos os sons de nosso país. Eu me lembro de ouvir Luiz Gonzaga ainda criança. Quando descobrimos João Gilberto, então, foi uma revolução! Mas eu também gostava de rock e tenho memórias antigas do Elvis cantando Rock Around The Clock na vitrola lá de casa...
Acho que muita gente é como eu. As canções fazem parte de cada momento da minha vida. Cada amor que foi embora, cada filho que chegou, cada viagem que você fez, cada perigo que passou... E é um negócio que mexe com a memória da gente, né? Quando toca, eu lembro se estava feliz ou triste no momento que ouvi pela última vez... Ainda mais com MPB, meu estilo favorito. 
Meu Deus do céu! Minha história está inteira  lá na obra de Chico Buarque, Caetano Veloso, Roberto Carlos... É raro o momento da minha vida em que não tem algo tocando: eu acordo e ligo o rádio. Entro do carro e peço para ligarem – às vezes até me atrapalha, porque preciso decorar o texto da novela e, quando eu vejo, estou lá cantando! E cada estilo é para um momento. Por exemplo, eu adoro música clássica, que é uma música que fala fundo na alma. Mas não serve para acordar, por exemplo – aí é melhor escutar Elba Ramalho e Lulu Santos, que dão energia para o dia inteiro!
Só tem uma hora em que faço questão de ficar em silêncio: no carro, indo para o aeroporto, atrasada. Acho que na situação de tensão, a melhor coisa é ficar quieta e resolver o problema. E você, já mudou seu astral cantando sua música favorita hoje?


Um beijo bem grande,

Susana Vieira


PS: O Rei é imbatível! Ninguém fala de amor tão bem quanto ele! E Chico conhece a alma da mulher melhor que qualquer pessoa...