Proteção da pele: entenda a importância de usar filtro solar até em dias nublados

Os raios ultravioletas não saem de cena nunca. Por isso, é essencial manter a pele protegida contra os danos da radiação.

Karla Precioso Publicado domingo 21 fevereiro, 2021

Os raios ultravioletas não saem de cena nunca. Por isso, é essencial manter a pele protegida contra os danos da radiação.
O filtro solar deve ser aplicado constantemente, inclusive em dias nublados. - Pixabay

O verão é a estação ideal para exposição ao sol, seja na praia, piscina, em parques... Mas esse deve ser o período também de redobrar os cuidados com a pele, afinal, a exposição sem a proteção adequada pode acarretar sérios problemas, a começar pelo ressecamento, desidratação, insolação, manchas, envelhecimento e até câncer.

Aliás, os números de câncer de pele no Brasil são alarmantes. De acordo com levantamento do Instituto Nacional do Câncer (Inca) feito em 2019, anualmente, são diagnosticados 180 mil casos novos da doença. Isso significa que 1 em cada 4 casos novos de câncer no Brasil é de pele.

“Dessa maneira, é sempre oportuno lembrar a importância do uso diário do filtro solar, pois ele atua como uma barreira que absorve os raios, impedindo danos à cútis”, pontua a dermatologista Natacha de Carvalho Mello Haddad.

Portanto, ainda que durante o período mais quente do ano seu uso seja primordial, a aplicação do protetor deve ser um hábito diário. Vem entender o motivo.

USO DIÁRIO
A pele funciona como uma barreira para o corpo e, para mantê-la bem protegida contra os danos da radiação, é necessário aplicar diariamente o filtro solar. O produto ajuda a prevenir câncer de pele, queimaduras, acne solar, manchas de melasma, rugas, flacidez e linhas de expressão. Por isso, é tão importante aplicar e reaplicar o protetor todos os dias ao longo do ano, até mesmo quando o tempo estiver nublado ou chuvoso.

FATOR DE PROTEÇÃO
Na escolha de um filtro solar adequado, é importante prestar atenção ao fator de proteção solar. A recomendação é optar por um produto com, no mínimo, FPS maior que 30. O uso de chapéu e roupas com fator de proteção também ajudam no combate aos raios ultravioletas.

RAIOS ULTRAVIOLETAS
Segundo a especialista, existem dois tipos de raios ultravioletas: o raio UVB é mais predominante no verão, causa queimaduras de sol e pode causar câncer de pele. Já o UVA incide o ano inteiro e também ao longo de todo o dia, e é responsável pelo envelhecimento precoce da pele, também podendo desencadear o câncer. O protetor solar, se usado corretamente e habitualmente, protege a pele desses males.

APLICAÇÃO
Outro ponto crucial é a quantidade: para o rosto, use 1⁄2 colher de chá. Lembrete: nuca e pescoço não estão imunes à radiação. Portanto, filtro neles!

Último acesso: 04 Mar 2021 - 10:30:21 (1140466).