Suas articulações estão funcionando bem? Fisioterapeuta dá dicas preciosas

Aumentar a amplitude de movimento pode ajudar a corrigir os distúrbios de articulações

Bianca Vilela, colunista de AnaMaria Publicado quinta 15 abril, 2021

Aumentar a amplitude de movimento pode ajudar a corrigir os distúrbios de articulações
Suas articulações estão funcionando bem? Fisioterapeuta dá dicas preciosas - Pixabay

Fala galera da AnaMaria, tudo bom? Quero saber quem aí percebeu alguma coisa diferente nas articulações? Isso inclui joelhos, ombros, quadril, tornozelos, mãos e a coluna.

É muito simples saber se elas estão com problema. Note, por exemplo, se você sente dificuldades em realizar tarefas que antes eram fáceis, como agachar para pegar objetos no chão ou até mesmo realizar atividades domésticas. Isso pode ocorrer devido à diminuição da capacidade das suas articulações.

Para a coluna de hoje, convidei a fisioterapeuta Laís Ribeiro, que trabalha na minha equipe e desenvolve diversos trabalhos em empresas por todo o país, melhorando a qualidade de vida dos colaboradores, para nos contar sobre mobilidade articular. Ou seja, a capacidade das articulações de realizar movimentos em pequenas ou grandes amplitudes, em planos e eixos diferentes, sem a presença de dor.

Devemos realizar exercícios para melhorar esta capacidade? Segundo ela, sim! Isso ajuda a aumentar a amplitude de movimento, que irá corrigir disfunções das articulações, aumentar a produção de líquido sinovial, importante na lubrificação destas estruturas, e prevenir lesões. Até porque, minha gente, ninguém precisa e merece viver com dores, não é? 

Para que a articulação realize suas funções com eficiência, é necessário que esteja livre de deformidades. Existem alguns fatores que atrapalham esse processo. Vamos conhecê-los?

ENVELHECIMENTO
“Com o passar dos anos, o corpo sofre muitas alterações estruturais, funcionais e químicas. Nesse processo, a cartilagem que reveste nossos ossos, evitando o contato de um com o outro, começa a se desidratar, gerando fissuras, limitações e doenças relacionadas, como osteoartrite e osteoartrose. Essas doenças crônicas geram inflamação das articulações, limitando o movimento e causando dor”, ressalta a especialista.

SEDENTARISMO
Em nossa situação atual, em meio a pandemia e isolamento social, muitas pessoas tiveram que adequar suas rotinas. Considerando o fato das academias e clubes estarem fechados, as pessoas perderam o foco no exercício físico.

Além de tudo, temos a questão do home office que, para muitas pessoas, está associado a uma rotina de menos movimentação corporal, favorecendo o aparecimento das doenças ortopédicas. Passar muitas horas em má postura com mobiliário inadequado gera grandes consequências para nosso corpo.

Por isso, é tão importante criar uma rotina de exercícios para evitar o surgimento ou agravamento de doenças pré-existentes.

DICA DE ESPECIALISTA
Tire alguns minutos do seu horário de trabalho, faça uma pequena pausa a cada 50 minutos. Se levante, vá até a cozinha buscar um café ou água, coma uma fruta e visite, com regularidade, o toalete.

EXERCÍCIOS ARTICULARES
Para manter uma hidratação eficiente das nossas articulações, realize exercícios focados nessas áreas. Respeite o limite de cada articulação. Movimentos lentos, circulares e amplos trarão ótimos benefícios ao seu corpo e o alívio das dores.

Nenhuma postura é boa o suficiente para ser mantida por muito tempo. Por isso, se movimente!

Assista ao nosso vídeo da semana, no qual trazemos exercícios que você pode inserir no dia a dia. Não deixe de conferir!

BIANCA VILELA é mestre em fisiologia do exercício pela Unifesp (Universidade Federal de São Paulo), palestrante e produtora de conteúdo. Desenvolve programas de saúde in company em grandes empresas por todo o país há mais de 15 anos. Na AnaMaria fala sobre saúde no trabalho, produtividade e mudança de hábitos. Instagram: @biancavilelaoficial

Último acesso: 05 May 2021 - 20:54:01 (1143713).