AnaMaria

Xô, olheiras! Entenda tudo e saiba como eliminar o problema

Saiba como dar um fim nas olheiras

Júlia Arbex Publicado em 29/09/2019, às 14h00

Consulte um especialista para averiguar a causa - Banco de Imagem/Getty Images
Consulte um especialista para averiguar a causa - Banco de Imagem/Getty Images

Se você já utilizou cremes, corretivos e receitas caseiras para eliminar marcas indesejáveis embaixo dos olhos, mas nada disso adiantou, esta matéria é para você.

Aqui será possível entender a origem do problema, os recursos disponíveis para combatê-lo e métodos preventivos que deixarão sua pele nos trinques.

AnaMaria bateu um papo com especialistas para sanar todas as dúvidas sobre o assunto.

O QUE É? 
As olheiras são pigmentos mais escuros do que a tonalidade natural da derme na pele das pálpebras, tanto superior quanto inferior. 

“Embora muitos casos sejam de origem genética, outros são resultados de fatores como dilatação dos vasos da área dos olhos, o que leva mais sangue à região e reforça a pigmentação. Além disso, razões externas também causam o problema. Entre elas, noites mal-dormidas, cansaço, estresse, falta de cuidados com a área dos olhos, peles muito brancas e finas, tabagismo, exposição ao sol, fricção ao limpar e/ou coçar demais esse local do rosto, alergia e dificuldade respiratória”, explica Caio Lamunier, dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e do Hospital das Clínicas de São Paulo. 

OS TIPOS QUE EXISTEM 
Segundo Fernanda Bortolozo, dermatologista da Clínica Leger, existem quatro categorias do problema. 

  • Profundas: sua causa é genética e, geralmente, têm coloração castanha. A cavidade do globo ocular é mais profunda, criando uma sombra. 
  • Pigmentares: mais comuns em peles negras, possuem uma coloração amarronzada. É causada pelo acúmulo de melanina na pele fina dos olhos. 
  • Sanguíneas: têm coloração arroxeada e são causadas devido ao acúmulo de hemoglobina nos vasos sanguíneos. 
  • Vasculares: ligeiramente azuladas e inchadas, pode acontecer por mudanças no sistema circulatório e retenção líquida. Estresse e noites em claro agravam o quadro.

TRATAMENTOS CASEIROS 
Para cuidar, consulte um especialista para averiguar a causa. Os tratamentos caseiros, de acordo com o cirurgião plástico Juliano Souto Ferreira, podem ajudar somente as olheiras causadas por cansaço, falta de sono... Abaixo, algumas fórmulas. 

Compressa de água fria: o líquido em baixa temperatura e o gelo provocam a diminuição dos vasos sanguíneos, o que melhora o aspecto do local. Colocar sachês de chá de camomila e rodelas de pepino, quando estiverem gelados, também é uma ótima opção. A compressa pode ser feita diariamente, de preferência antes de dormir, durante 15 minutos. 

Massagem na região: com o dedo anelar, deslize com suavidade do canto interno da pálpebra superior para o canto externo. Repita o processo três vezes. Finalize com leves batidinhas na região com a ponta do dedo indicador e do dedo médio. Faça isso antes de dormir.

TECNOLOGIAS A SEU FAVOR 
Se o problema for o tom da olheira, podem ser utilizados peeling e laser, por exemplo. Esses procedimentos renovam a coloração. O problema é flacidez? Vá no lifting facial, laser e peelings intensos para melhorar o aspecto. 

Segundo o dermatologista do Hospital Adventista Silvestre (RJ) Daniel da Costa, tem uma outra saída: o preenchimento com estimulador de colágeno ou ácido hialurônico. Essas técnicas devem ser realizadas por profissionais competentes.

HÁBITOS QUE MINIMIZAM A IMPERFEIÇÃO 

  • Durma bem. Durante a noite a pele se restaura. O tempo de sono de cada um é diferente, mas estudos afirmam: oito horas podem ser suficientes para os tecidos se regenerarem. 
  • Reduza o sal. O sódio presente nesse ingrediente é um dos principais culpados pela retenção de líquido e, portanto, na piora das olheiras.
  • Hidratação. Antes de dormir, aplique um creme para a área dos olhos para aumentar a espessura da pele. Isso também melhorar a coloração local. 
  • Lavar a região com água fria. Esse hábito vai contrair os vasos sanguíneos e, assim, amenizar o tom mais escuro das olheiras. 
  • Pratique exercícios físicos. Além disso, tenha uma alimentação saudável e não fume. Hábitos positivos para toda a sua saúde.