AnaMaria
Coronavírus / Pandemia

Anitta culpa governo federal por 500 mil mortes decorrentes da covid-19: ''É sobre fora Bolsonaro’’

Cantora se posicionou contra o presidente e se declarou a favor do senso coletivo

Da Redação Publicado em 21/06/2021, às 16h31 - Atualizado às 16h31

Anitta se posiciona contra Jair Bolsonaro em publicação no Twitter - Instagram/@anitta
Anitta se posiciona contra Jair Bolsonaro em publicação no Twitter - Instagram/@anitta

Anitta usou seu Twitter, nesta segunda-feira (21), para se pronunciar sobre a triste marca que o Brasil atingiu. Nos últimos dias, o país somou mais de 500 mil mortes causadas por complicações decorrentes do novo coronavírus. Na publicação, a cantora culpou o governo federal, especialmente o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), pela situação atual do país. 

"500 mil mortes... é sobre FORA BOLSONARO sim! A favor da democracia, da economia, da saúde,  da educação, do senso COLETIVO", apontou.

Vale lembrar que diversos artistas, como Samanta Schmütz, estão levantando a bandeira contra o atual presidente, especialmente depois que dezenas de e-mails provaram que a empresa Pfizer, na figura do presidente na América Latina, Carlos Murillo, ofereceu esquemas de vacinação viáveis ainda em novembro de 2020 - propostas que foram ignoradas pelo ex-secretário-executivo do Ministério da Saúde, coronel Elcio Franco.

No início do mês, o vice-presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da pandemia, Randolfe Rodrigues (Rede-AP) fez questão de contar os 81 emails da Pfizer enviados ao governo federal sem que houvesse acordo.