Bolsonaro publica MP que permite suspender contrato de trabalho por 4 meses

MP de Bolsonaro permite que contrato de trabalho seja suspenso por 4 meses

Da Redação Publicado segunda 23 março, 2020

MP de Bolsonaro permite que contrato de trabalho seja suspenso por 4 meses
A medida visa combater os efeitos econômicos da pandemia do coronavírus - Instagram/@jairmessiasbolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro publicou no Diário Oficial da União, na noite do último domingo (22), uma medida provisória que permite a suspensão de contratos de trabalho por até quatro meses durante a época de calamidade pública.

Segundo o portal G1, a nova determinação é uma tentativa do governo federal de combater os efeitos econômicos da pandemia do coronavírus e evitar possíveis demissões em massa.

A medida passa a valer imediatamente, porém ainda será aprovada pelo Congresso Nacional em até 120 dias para não perder sua validade.

A suspensão deve ser feita se, no período, o empregador garantir que o trabalhador realize um curso ou programa de qualificação não presencial.

De acordo com a MP, o salário não precisará ser pago. No entanto, há possibilidade de negociar uma ajuda compensatória mensal.

Veja outras determinações previstas na medida.

  • Benefícios, como plano de saúde, deverão ser mantidos;
  • Caso o programa de qualificação não for oferecido, o pagamento de salário e encargos sociais serão exigidos, deixando o empregador sujeito a penalidades previstas na legislação;
  • A suspensão dos contratos não dependerá de acordo ou convenção coletiva;
  • Acordos individuais estarão acima das leis trabalhistas enquanto a MP for válida com o objetivo de "garantir a permanência do vínculo empregatício", desde a Constituição seja cumprida.

Último acesso: 03 Jun 2020 - 17:31:35 (1103843).