AnaMaria
Coronavírus / coronavírus

Juliana Paes para de fumar durante quarentena: ''Tenho asma''

Ela afirmou no Instagram que está livre do vício há oito dias

Da Redação Publicado em 08/04/2020, às 13h52 - Atualizado às 15h59

Juliana Paes - Instagram/@julianapaes
Juliana Paes - Instagram/@julianapaes

A quarentena por conta da pandemia do novo coronavírus não está fácil, mas há quem prefira ver o lado positivo. Juliana Paes afirmou na última terça-feira (7) que parou de fumar durante o isolamento.

Na ocasião, ela afirmou na live do Instagram de Fábio Porchat que sofre de asma e é considerada parte do grupo de risco. Exatamente por isso, a atriz afirmou que está sem fumar há oito dias.

"Eu, mesmo tendo asma, fumava. Não fumava cigarro industrializado, mas fazia meu cigarro de tabaco, achando que tinha menos componentes químicos e tal. E aí pensei: 'Essa quarentena tem que servir pra alguma coisa, então vou parar", afirmou.

Apesar da preocupação, ela frisou que todos de sua família estão saudáveis.

"Tem o pai de uma amiga que está em UTI, infelizmente. Já está melhor, está se recuperando, mas passou por maus bocados", disse por fim.

MELHOR DECISÃO

A principal forma de evitar os tumores pulmonares é parar o consumo de tabaco. A substância está presente em cigarros, charutos, cachimbos, narguilé e também nos cigarros eletrônicos.

E os benefícios à saúde começam apenas 20 minutos após interromper o vício: a pressão arterial volta ao normal e a frequência do pulso cai aos níveis adequados, assim como a temperatura das mãos e dos pés, que são normalizadas. 

A partir de um a nove meses, os sintomas comuns em fumantes --como tosse, rouquidão, e falta de ar-- ficam menos intensos e a pessoa fica mais disposta para realizar atividades físicas.

Quinze anos depois de parar de fumar, já é possível assegurar que os riscos de desenvolver câncer de pulmão se tornam praticamente iguais aos de uma pessoa que nunca fumou na vida. Ou seja:  nunca é tarde demais para abandonar o velho hábito!