AnaMaria
Descomplica / Facilidade

Aprenda a usar aplicativos de Mapas e Rotas de uma vez por todas

Separamos as funcionalidades dos principais aplicativos de rotas

*Juliano Schimiguel, colunista de AnaMaria Publicado em 03/03/2021, às 09h00 - Atualizado às 11h32

Aprenda de uma vez por todas a usar aplicativos de Mapas e Rotas - Pixabay
Aprenda de uma vez por todas a usar aplicativos de Mapas e Rotas - Pixabay

Surgiu um compromisso, mas o local é do outro lado da cidade, onde você não tem a mínima ideia de como chegar. Se ainda vivessemos nos anos 1990, muito provavelmente você abriria um guia de endereços e tentaria entender o caminho olhando os mapas disponíveis lá.

Para nossa sorte, a coisa evoluiu muito com a ajuda da internet e dos smartphones. Já há alguns anos, os aplicativos de mapas e rotas vêm sendo muito utilizados pela sociedade, sempre oferecendo uma grande quantidade de informações. Por meio deles é possível visualizar nomes de ruas, bairros, dados relativos às cidades, estados, entre outras funções.

Além disso, é possível gerar rotas, como da sua casa até o supermercado, ou de uma cidade para outra. Vale lembrar que mais de uma rota pode ser gerada para o mesmo trajeto, utilizando caminhos diferenciados, que possuem outras quilometragens e durações.  O aplicativo ainda discrimina as condições de trânsito na região e horário do trajeto produzido.

Felizmente, existe uma variedade de aplicativos para smartphones que fornecem esse serviço. Entre os mais conhecidos, podemos destacar o Google Maps e o Waze.

GOOGLE MAPS 
A grande vantagem é que pode ser acessado também pelo computador. Lá, é possível gerar uma rota e depois compartilhá-la com o seu smartphone de forma fácil. O aplicativo do Maps também disponibiliza o cálculo de rotas para carro, ônibus, a pé, bicicleta e avião. O trajeto, que apresenta unidades de distância (milhas ou km), também pode ser particionado, como por exemplo: estou saindo de São Paulo para o Rio de Janeiro, mas irei ter passagens por São José dos Campos e Taubaté. Existem ainda opções de trajeto, que possibilitam evitar rodovias, pedágios e balsa.

Um dos destaques do Google Maps é a disponibilidade de gerar o mapa no computador e compartilhar com o smartphone, já que isso possibilita que a rota seja usada posteriormente com o celular offline, ou seja, sem a conexão de internet. Neste caso, é fundamental que os dados de mapas estejam devidamente carregados e atualizados em seu aparelho celular.

WAZE 
O Waze é considerado uma rede social de mapas e rotas. O conceito, nesse caso, é atribuído ao fato do aplicativo permitir que seus usuários compartilhem informações com outros membros da plataforma. No app é possível informar buracos nas vias, chuva, neblina, trânsito, acidente, perigo, preços de combustíveis, erro no mapa, SOS, interdição, etc. Além do fato do usuário poder enviar mensagens para outros usuários que estejam dirigindo.

Já na parte de configurações do aplicativo, é possível fazer algumas adaptações na plataforma, como alterar esquema de cores (noite, automático, dia), alterar modo de visualização (3D, automático, 2D), mostrar wazers (outros usuários do aplicativo em tempo real no mapa), mostrar trânsito, velocímetro, evitar pedágios, balsas, vias expressas, conversões difíceis, especificar tipo de veículo (particular, táxi, moto),  placa do veículo (últimos 2 dígitos), o que é importante para evitar zonas de rodízio em horários proibidos em cidades como São Paulo (SP), por exemplo.

Vale lembrar que também pode-se configurar alertas e avisos, como o lembrete de acendimento de faróis, fundamental quando se dirige em estradas ou marginais. Na opção Velocímetro, podemos configurá-lo para que o aplicativo mostre o limite de velocidade e também alertas para quando se ultrapassar esse limite.

Há ainda o recurso de tocador de áudio, no qual é possível se conectar a outros aplicativos, como Amazon Music, Audible, Audiobooks.com, Claro Musica BR, LATAM, Deezer, NRJ Radio, Scribd, Sportify e Youtube Music. Importantíssimo destacar que vários desses recursos só devem ser utilizados se o carro estiver estacionado em local seguro e permitido pelas leis de trânsito.

O Waze também traz a opção de Carpool (compartilhamento de caronas), que será discutido em um próximo artigo! Esperamos que tenhamos explicado de forma lúdica e simples alguns dos recursos fornecidos por esses aplicativos! Até a próxima...

*JULIANO SCHIMIGUEL é Pesquisador, Orientador de Doutorado e Mestrado, Professor Universitário (Universidade Cruzeiro do Sul – São Paulo/SP, Centro Universitário Anchieta – Jundiaí/SP) e escreve sobre Tecnologias da Informação e Comunicação (TICs), além de seu impacto na sociedade e no ensino e aprendizagem. Para encontrá-lo, basta acessar seu LinkedIn ou mandar um e-mail: schimiguel@gmail.com