AnaMaria
Descomplica / Desemprego

Fui demitida, e agora? Especialista revela dicas valiosas para superar crise após a demissão

Gabriela Lopes, autora do livro Não É Só Caos – Há Um Recomeço, revela os segredos para, passado o baque da notícia da demissão

Karla Precioso Publicado em 20/02/2022, às 12h00

A pandemia fez com que o fantasma do desemprego viesse à tona de forma intensa - Unsplash/Andrew Neel
A pandemia fez com que o fantasma do desemprego viesse à tona de forma intensa - Unsplash/Andrew Neel

A pandemia fez com que o fantasma do desemprego viesse à tona de forma intensa. O coronavírus ainda permanece e as incertezas continuam a assombrar a vida das pessoas, que foram afetadas profissionalmente pela crise e acabaram sendo demitidas. Momento difícil, mas quem se depara com a falta de emprego precisa manter a calma, pensar em planos de contingência para o presente e projetar os passos futuros de sua carreira. Recomeçar pode não ser uma tarefa fácil, mas é necessário.

Para Gabriela Lopes, pastora e autora do livro 'Não É Só Caos - Há Um Recomeço', passado o baque da notícia da demissão, é preciso dar a volta por cima: “O primeiro passo é tentar raciocinar mais claramente, pois, nessa hora, a emoção pode dificultar a pessoa a enxergar saídas para a situação.

Comece colocando em um papel seus planos, suas metas e prazos para atingir os objetivos. Movimente-se e dedique um tempo do dia para repensar seu futuro profissional, dando atenção também a outras áreas da vida”, explica. Respire fundo, acalme-se e vem descobrir os segredos para ter sucesso novamente!

CICLOS QUE SE RENOVAM

Talvez o mercado de trabalho de sua profissão esteja menos aquecido. Gabriela aponta que ciclos podem se encerrar para novos caminhos serem conquistados. Sabe aquele hobby esquecido? Ou aquele talento que você pouco desenvolveu? A demissão pode ser uma oportunidade para que o recomeço seja também em uma nova carreira ou até mesmo no empreendedorismo.

“Explore seu autoconhecimento, foque suas energias não apenas em sua profissão, mas nas habilidades também. Aproveite algum talento para gerar uma nova renda, abrir um negócio, procurar por serviços freelancers”, aconselha.

O momento também pode ser uma oportunidade para se atualizar. Segundo a autora, estudar é sempre um bom caminho para se renovar. Use a internet para isso. É uma fonte rica de informação para todas as áreas profissionais, e com uma vasta gama de cursos gratuitos, já que não é hora de ter gastos extras.

“Estudar e se reciclar também pode abrir novos horizontes. Inclusive é uma excelente maneira de realizar networking. Não deixe de acionar sua rede de contatos e avise sobre sua disponibilidade. Essa iniciativa pode gerar uma indicação para alguma vaga ou uma nova oportunidade de negócio”, orienta a especialista.

Gabriela Lopes indica 5 fases para recomeçar diante da perda ou mudança radical de emprego:

1 - Aceitação

“Aceite o fim deste ciclo. Não se culpe. Não culpe os outros. Não acredite que é o fim. Para algo novo começar é preciso que o velho se encerre. Aceite esse recomeço”.

2 - Autoconhecimento

“No momento de recomeço é importante parar e ouvir sua voz interior. Você estava feliz naquela profissão? Se sentia realizada? Ficar desempregada pode ser o impulso que você precisava para reavaliar a sua vida profissional e, se for necessário, mudar. Sempre há espaço para recomeços”.

3 - Adaptação

“É importante respeitar seu período de adaptação. Para isso, é preciso estar preparada emocional e financeiramente. Afinal, nesse recomeço, é muito provável que você volte a estagiar, ser um profissional júnior, com um cargo inferior e, sim, inclusive receber um salário menor. Você terá que se adaptar a esse recomeço. E tudo bem!”.

4 - Estipule metas

“As metas ajudam a estimular. Quando temos um objetivo, temos vontade de conquistá-lo. A vida tem um sentido – e, nesse momento de perdas, isso é fundamental. Mas não se cobre tanto. Estabeleça metas possíveis de serem realizadas e em prazos alcançáveis”.

5 - Acredite

“É só uma fase. Você vai superar. Acredite que você consegue. Acredite no seu potencial. Acredite em Deus. Acredite em um recomeço”.