AnaMaria
Descomplica / Internet

Identifique quem você é nas redes sociais e saiba se o uso é saudável

Saiba como usar as redes sociais de um jeito saudável

Júlia Arbex Publicado em 20/07/2019, às 18h00 - Atualizado em 18/08/2019, às 10h56

Ficar atrás da tela proporciona “poder” de expressão - Banco de Imagem/Shutterstock
Ficar atrás da tela proporciona “poder” de expressão - Banco de Imagem/Shutterstock

De acordo com o estudo Papo Digital, realizado pela agência de pesquisa de mercado e inteligência Hello, ao compartilhar um conteúdo nas redes sociais, jovens e adultos brasileiros dão preferência para temas como lazer e viagens. Mas até que ponto isso é saudável?

A necessidade de ser feliz o tempo todo
“No passado, o lugar de reconhecimento era por meio de interações sociais em diversos campos da sociedade, como na escola, no clube e no trabalho. Hoje, as mídias sociais fazem esse papel. O objetivo, de modo geral, é buscar curtidas e eternizar-se numa selfie. Porém, neste mundo virtual, tudo tem que parecer maravilhoso. Esse comportamento cria uma falsa sensação de ser alguém importante e que está curtindo a vida”, afirma Luciano Gomes,antropólogo, filósofo e professor da Faculdade Arnaldo (BH).

“A vida de todo mundo é ótima, menos a minha”
“As pessoas só publicam imagens de si sorrindo e em lugares bonitos. Mas tenha em mente que a perfeição da vida postada não existe. O que existe, de fato, são momentos registrados para que tudo pareça feliz e agradável. Portanto, por trás de lindas fotos, há uma realidade humana e social com suas dores, dificuldades e lamentações”, diz.

Como as redes podem ser prejudiciais?
As ferramentas on-line promovem uma perda do contato visual e físico. Ou seja, hoje, não precisamos nos deslocar para ver as pessoas. 

Assim, deixamos de sair de casa devido à facilidade, à comodidade e à segurança proporcionadas por esses dispositivos. 

Além disso, em um mundo ideal, as redes sociais poderiam, sim, aproximar as pessoas. Porém, muitas vezes, as relações acabam se tornando fantasiosas e superficiais.

“Internet é terra de ninguém”
É fato: nas redes sociais, podemos dizer tudo o que pensamos, principalmente porque temos como criar contas fake (falsas, em português) para ocultar nossa verdadeira identidade. 

Ficar atrás da tela proporciona “poder” de expressão, de críticas e comentários sobre qualquer assunto. O conselho aqui é tomar cuidado para não entrar em debates e discussões com pessoas desconhecidas e desnecessárias, e evitar expor uma opinião polêmica, que pode chegar a ter milhões de compartilhamentos.