AnaMaria
Busca
Facebook AnaMariaTwitter AnaMariaInstagram AnaMariaYoutube AnaMariaTiktok AnaMariaSpotify AnaMaria
Dicas de Beleza / VOLTOU?

Cirurgia para diminuir a testa ainda é feita? Famosas apostam na frontoplastia

Ainda que pouco comentada, a cirurgia para diminuir a testa voltou à moda e é a aposta de muitas famosas - você se lembra dela? Confira!

Cirurgia para diminuir a testa ainda é feita? Famosas apostam na frontoplastia - Reprodução/Instagram
Cirurgia para diminuir a testa ainda é feita? Famosas apostam na frontoplastia - Reprodução/Instagram

Realizar prodecimentos estéticos no rosto pode ser o sonho de muitas mulheres e, com a bailarina Brunna Golçalves, não foi diferente. A esposa da cantora Ludmilla contou aos mais de seis milhões de seguidores no Instagram que havia alcançado esse desejo depois de tanto tempo: ela realizou uma cirurgia para diminuir a testa.

O procedimento, que consiste no avanço do couro cabeludo para retirar o excesso de pele da testa, também é chamado de frontoplastia. Nas redes, Brunna revelou que "não fazia coque ou vários penteados por causa dessa insegurança" e que já vinha pesquisando um profissional de confiança para a cirurgia há muito tempo.

Mesmo que seja pouco falada atualmente, a técnica parece estar de volta e já é a escolhida de algumas famosas. Além da influenciadora, o procedimento já havia sido realizado pelas também ex-BBBs, Thaís Braz, da edição de 2021, e Linn da Quebrada, de 2022. A atriz Gabriela Loran, de 'Renascer', também passou pela frontoplastia há três anos.

Sabia que fazer cirurgia plástica no frio proporciona uma recuperação melhor?

No entanto, antes de voltar à moda com as celebridades, a cirurgia, que existe há mais de 50 anos, tinha praticamente caído em desuso. O cirurgião plástico Luiz Haroldo Pereira, membro e ex-presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) conta à AnaMaria que, com o avanço do uso do botox e outros tratamentos para linhas de expressão, a cirurgia deixou de ser a opção mais indicada.

"Costumava ser mais usado para reduzir rugas na testa. O objetivo era levantar a testa para corrigir as rugas que aparecem nessa região e no supercílio”, explica. Mas, então, por que a cirurgia para diminuir a testa ainda é feita?

É possível tirar o preenchimento facial? Conheça o movimento de reversão das famosas!

Como a frontoplastia é feita?

Antes, de acordo com o especialista, era realizada uma incisão de orelha a orelha e, em seguida, era feito um descolamento e retirava-se o excesso de pele. "É uma técnica mais agressiva por conta do corte maior", afirma o cirurgião plástico, também membro da SBCP, Fernando Amato, que ainda ressalta o transplante capilar como um substituto.

A cirurgia de frontoplastia, no entanto, mudou de técnica. "Agora, quem avança é o couro cabeludo sem necessariamente o interesse de corrigir rugas, mas apenas o tamanho da testa", comenta Luiz. O profissional diz que, para esta finalidade, é realizada um corte em frente a região capilar, resultando na diminuição da testa.

O procedimento pode ser feito com anestesia local e sedação ou anestesia geral. Também pode ser complementar à alguma plástica de face, assim como é usada para tratamento de ptose palpebral, conhecida como pálpebra caída. "Neste caso, a incisão muda de lugar. Fazemos acima do supercílio e levantamos as sobrancelhas que ficaram caídas”, afirma Haroldo.

Sem rugas? Especialista revela segredos para ter a pele da Anne Hathaway!

E os sintomas da recuperação?

Além da agressividade da antiga incisão, outro motivo pelo qual a cirurgia para diminuir a testa chegou a desaparecer por um tempo foi a quantidade de sintomas no pós-operatório. O ex-presidente da SBCP destaca coceira, dormência e irritação nos pontos da cicatriz. Fernando ainda menciona o surgimento dos seguintes sintomas:

  • Dor na região da cicatriz;
  • Alopécia temperária (perda de cabelo na região);
  • Inchaço na testa e nas pálpebras;
  • Sensibilidade no couro cabeludo.

Ele ressalta que, para os últimos sinais, os piores momentos são nos primeiros dias e, conforme o tempo de recuperação passar, eles também irão. Mesmo assim, Luiz adverte: "Não é algo simples e deve ser feito somente em casos bem específicos, com a indicação do cirurgião plástico.”

E o caso da Andressa Urach? Saiba quais são os perigos da cirurgia de remoção de costela!