Como fazer a skincare corretamente na quarentena? Especialista dá dicas

Cuidado desde cedo previne marcas de envelhecimento, mas não pode ser de qualquer jeito

Da Redação Publicado quarta 1 julho, 2020

Cuidado desde cedo previne marcas de envelhecimento, mas não pode ser de qualquer jeito
O que é bom para uma pessoa pode não ser boa para outra - chezbeate por Pixabay

Para muitos, não têm sido fácil lidar com o distanciamento social. Mas que tal aproveitar o tempo extra em casa para aprimorar — ou então começar — sua rotina de beleza e autocuidado? Além da estética, ter dedicação consigo mesma contribui para a melhora da autoestima e da saúde mental na quarentena, uma vez que ajuda a liberar hormônios como a endorfina, responsável pela sensação de bem-estar. 

“O ideal é que esse passo a passo de produtos e procedimentos do skincare feitos no dia a dia seja orientado por um especialista”, afirma a dermatologista Fernanda Rosas, IPO Dermatologia de Curitiba (PR), para AnaMaria Digital. “Ainda assim, para quem deseja se arriscar, não existem grandes perigos em seguir as recomendações da internet”.

O maior problema, de acordo com a especialista, é utilizar um produto não adequado para a pele da pessoa. "O que é bom para uma pessoa pode não ser boa para outra”. afirma.

PASSO A PASSO
Por isso, antes de iniciar uma rotina, é importante estar atento ao seu tipo de pele e a necessidade de tratamento. Para começar, limpeza, hidratação e proteção solar devem estar presente para todas as mulheres. Com isso feito, outros tratamentos específicos podem ser adicionados.

“Pela manhã deve ser feita a limpeza, seguida da hidratação — que pode ser substituída ou associada a antioxidantes — e protetor solar. À noite, após a limpeza e hidratação podem ser utilizados produtos para um tratamento mais específico, como para amenizar manchas ou rugas. Lembrando que estes produtos, em especial, só devem ser usados com a recomendação médica, já que tem uma ação mais potente,” explica Fernanda.

Em relação a esfoliação, a especialista afirma que pode ser feita uma vez na semana, mas ainda assim, não é obrigatória. O mesmo acontece com as máscaras, que não devem ser utilizadas diariamente. “O mais importante é observar a finalidade de cada tratamento e escolher o que possui produtos que mais se adequem individualmente”.

NÃO ESQUEÇA
Mesmo para quem está em casa, o protetor solar não é dispensável. Além da radiação solar, a radiação da luz artificial, proveniente dos computadores e celulares, também contribuem para o surgimento das manchas.

“O cuidado diário ameniza o processo de envelhecimento. O protetor solar, por sua vez, além de evitar as manchas, evita também a degradação do colágeno, fazendo com que a pessoa envelheça melhor, com menos rugas”, explica a especialista. 

Último acesso: 06 Aug 2020 - 22:33:21 (1115183).