Como fazer o cabelo crescer rápido? Veja 11 dicas de especialista

Especialista dá 11 dicas para os seus fios cresçam mais rápidos

Da Redação Publicado quinta 14 outubro, 2021

Especialista dá 11 dicas para os seus fios cresçam mais rápidos
Dicas para você ser a Rapunzel. - Ali Pazani/Unsplash

Apesar de não existir nenhuma fórmula mágica, adotar alguns hábitos na rotina podem acelerar o processo de crescimento capilar e evitar a queda dos fios. Em entrevista à AnaMaria Digital, a tricologista Viviane Coutinho, docente da Academia Brasileira de Tricologia (ABT), dá algumas dicas para ajudar o crescimento do seu cabelo.

De acordo com a especialista, os fios crescem em torno de 1 a 1,5 cm por mês, mas essa estimativa varia para cada pessoa, dependendo do hábito de vida. Os fatores que influenciam o crescimento capilar são a nutrição, genética e as alterações hormonais.

Separamos 11 hábitos para você adotar no seu dia a dia que vão ajudar seus fios a crescerem mais rápido, além de ficarem bonitos e saudáveis.

1- Hidratar os cabelos semanalmente: o procedimento é essencial para deixar a fibra saudável para evitar a quebra. 

2- Massagear o couro cabeludo: o movimento, que deve ser feito com as pontas dos dedos, aumenta a irrigação sanguínea no local, permitindo que a raiz do cabelo receba mais nutrientes, o que favorece o crescimento dos cabelos. Para fazer a massagem, comece pelas bordas e vá fazendo movimentos circulares em direção ao topo da cabeça. Nunca use as unhas, pois isso pode ferir a região. Os movimentos devem ser firmes e lentos em toda a área do couro cabeludo. Os movimentos devem durar de 3 a 5 minutos.

3- Ter uma boa alimentação: cuidar da saúde do cabelo também envolve uma boa alimentação. Os nossos sistemas corporais são interligados. É necessário o equilíbrio em todos eles para manter a saúde. Como os fios são anexos do corpo, nosso estoque de nutrientes precisa estar em alta para que eles recebam os nutrientes só após nossos órgãos vitais receberem. Uma má alimentação pode provocar um déficit nutricional que resulta em perda capilar e outros prejuízos para a saúde.Com a carência nutricional, os fios ficam mais frágeis e propensos a cair. 

4- Beber bastante água: cada fio de cabelo tem em sua composição uma proporção que varia entre 12 e 15% de água. Se você não bebe água suficiente, os cabelos ficam desidratados, mais fracos e quebradiços. Com isso, a chance de queda é maior.  Além disso, uma das principais funções de água é retirar as impurezas do corpo em diversas áreas do corpo, inclusive no couro cabeludo. Se você não bebe água suficiente, as toxinas se acumulam e provocam a queda dos fios.

5- Evitar lavar os cabelos com água quente: isso agride o couro cabeludo, que produz mais oleosidade para se defender e pode provocar dermatite seborreica, além de ressecar os fios, que ficam ásperos. A dermatite e outras disfunções podem provocar a queda. Uma dica é tomar banho primeiro e depois lavar o cabelo com água morna afastando o corpo da ducha.

6- Não dormir com os cabelos molhados: quando dormimos ou prendemos os cabelos úmidos, cresce as chances de proliferação de fungos e bactérias, aumentando chances de possíveis inflamações.

7- Higienizar o couro cabeludo e os fios: “Não adianta fazer uma escova linda e maravilhosa e ficar uma semana sem lavar os cabelos. É essencial manter uma rotina de higienização, especialmente quando estamos falando de couro cabeludo, que acumula poeira, resíduo de produtos e muitas outras partículas. 

A frequência de higienização também tem a ver com o controle de oleosidade da região. A oleosidade em excesso pode causar a proliferação de fungos, gerando uma inflamação ligada à coceira, descamação e queda dos fios. Nossa cabeça deve estar sempre limpa, assim como a gente higieniza a pele corporal durante o banho.

8- Ter uma boa noite de sono: muitas noites seguidas de um sono ruim podem interromper o ciclo de crescimento do cabelo, o que, por sua vez, leva à queda dos fios. A má qualidade de sono dificulta muito que o nosso organismo relaxe e descanse, para que a gente encare o dia seguinte de uma forma mais leve e sagaz. Então, quando você dorme mal, o trabalho do organismo fica comprometido. O crescimento saudável do cabelo requer o sono necessário para a renovação e regeneração das células foliculares.

9- Não se estressar frequentemente: períodos de estresse também podem fazer o cabelo cair mais do que o normal. Quando estamos passando por uma sobrecarga emocional, eleva-se o nível de cortisol, conhecido como o ‘hormônio do estresse’. Assim, liberamos muitas células inflamatórias que prejudicam a saúde capilar. Nesse processo, chegam menos nutrientes de qualidade no folículo capilar, causando queda de cabelo. 

10- Não fazer grandes tensões em penteados: tensões e em tempos prolongados e repetitivos podem nos causar perda capilar, que se não tratada ou insistida pode ser irreversível. Os cuidados com o cabelo é uma prática muito importante na rotina, dessa forma, hábitos simples e uma rotina saudável podem fazer toda a diferença na saúde capilar, aumentando as chances de um crescimento mais rápido dos fios.

11- Praticar atividades físicas: atividades físicas aumentam a oxigenação e circulação, o que favorece a chegada de nutrientes para os cabelos.

Último acesso: 28 Nov 2021 - 04:03:23 (1151056).