AnaMaria
Facebook AnaMariaTwitter AnaMariaInstagram AnaMariaSpotify AnaMaria

“Tenho entradas no couro cabeludo. Quais são as chances de eu ficar careca?”

O primeiro passo é consultar um médico

Patrícia Gebara Publicado em 31/08/2015, às 10h00 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h44

especialistas beleza 984 - shutterstock
especialistas beleza 984 - shutterstock
As “entradas” podem ser constitucionais (de nascença) ou adquiridas ao longo da vida. Entre as principais causas adquiridas, temos a calvície hereditária, que é típica dos homens, porém não exclusiva. Nesses casos, o diagnóstico precoce é importante para que o tratamento preventivo comece o quanto antes. Outra causa também adquirida e bem frequente em mulheres seria a perda por tração, seja por conta de penteados muito apertados ou por puxar o cabelo com muita força na hora de fazer a escova. Aí, dependendo da evolução, a perda de cabelos pode ser permanente, e o recomendado é fazer um transplante capilar. É importante lembrar que há o risco de as entradas aumentarem se a causa não for diagnosticada, bem como se os fatores agravantes não forem afastados. Portanto, a consulta com um médico dermatologista especialista em cabelo é o 
mais importante nesses casos.



Fonte: José Rogério Regis, coordenador do departamento de cabelos e unhas da Sociedade Brasileira de Dermatologia 



Envie suas perguntas aos nossos especialistas pelo e-mail anamaria@maisleitor.com.br