AnaMaria
Dinheiro / FINANÇAS

Renda fixa ou variável: qual é a melhor opção para investir?

Especialista explica os primeiros passos para alcançar seus objetivos financeiros

Da Redação Publicado em 18/12/2021, às 14h30

Conheça as opções de renda fixa e renda variável - Pixabay/nattanan23
Conheça as opções de renda fixa e renda variável - Pixabay/nattanan23

Tenho pouco dinheiro guardado e me indicaram os investimentos de renda fixa. O que é e quais vantagens?” E. U., por e-mail.

Se você já consegue enxergar melhor seu orçamento e já aprendeu que é somente através da educação financeira que sairá do vermelho, é chegada a hora de começar a investir. No entanto, ainda é muito comum a premissa de que o mundo dos investimentos é complicado ou que só pode investir quem tem dinheiro, o que não é verdade! 

Costumo dizer que não existe um único e melhor investimento. Existem, sim, aqueles investimentos que melhor se adequam ao seu perfil, ao momento de vida em que está, necessidades, recursos e objetivos. Nesse contexto, os investimentos de renda fixa (Tesouro Direto, CDB, LC, LF , LCI, LCA, entre outros) e variável são os que acabam gerando mais dúvidas.

Investimentos de renda fixa são aqueles em que a taxa que indica o quanto ele vai render é pré-fixada desde a aplicação. Assim, costumam ser aplicações ideais para quem ainda está começando, já que, com a previsibilidade, é mais fácil se planejar. Por exemplo, se o objetivo for realizar uma viagem, você pode investir em fundos de renda fixa e se organizar para alcançar essa meta em alguns meses. 

Já a renda variável, como o próprio nome diz, não permite que o investidor preveja o seu retorno na hora da aplicação. Também são aplicações que apresentam volatilidade, ou seja, são propícias a oscilações. De forma geral, elas costumam ser mais arriscadas e costumam rentabilizar melhor a médio e longo prazos, apesar de não ser uma regra. Os investimentos em ações, contratos futuros e opções são alguns exemplos de investimento de renda variável.

Em resumo, no mundo dos investimentos, nos deparamos com diversas possibilidades. Buscar informação e estudar tudo o que o mercado oferece é a primeira lição para alcançar seus objetivos!

PACIÊNCIA E DISCIPLINA Na hora de aplicar seu dinheiro, uma coisa é certa: tanto investimento em renda fixa quanto em renda variável, não vão proporcionar a você um enriquecimento da noite para o dia. Ter controle de si mesmo, manter a organização e a disciplina na hora de investir são características essenciais a todo bom investidor, seja ele iniciante ou não. Pense sempre nisso.

LIBERDADE DE ESCOLHA É importante ressaltar que você não precisa, necessariamente, escolher entre um ou outro investimento. Trace metas e objetivos, pesquise e, só então, decida qual tipo de investimento se encaixa melhor em cada objetivo, procurando sempre diversificar sua carteira, jamais colocando todos os ovos em uma mesma cesta!

LUCIANA IKEDO (@lucianaikedo) é assessora de investimentos com certificação CFP®, MBA Internacional pela FGV, com extensão na Ohio University (EUA) e em Finanças pelo Ibemec/Insper. Envie suas perguntas para Luciana Ikedo pelo e-mail anamaria@maisleitor.com.br