AnaMaria
Facebook AnaMariaTwitter AnaMariaInstagram AnaMariaSpotify AnaMaria

Veja 7 dicas para economizar nas compras de mercado

Como economizar no mercado? Compre apenas o que precisa

Da Redação Publicado em 19/05/2022, às 09h00

Não está fácil economizar nas compras de mercado. - Nathalia Rosa/Unsplash
Não está fácil economizar nas compras de mercado. - Nathalia Rosa/Unsplash

Com o avanço da inflação, manter o armário e a geladeira abastecidos com alimentos saudáveis e nutritivos tem se tornado um desafio diário para o trabalhador brasileiro que precisa agora, mais do que nunca, equilibrar seu orçamento doméstico. Mas como manter uma rotina alimentar saudável sem gastar muito?

O ideal é aprender técnicas de reaproveitamento e não disperdício de alimentos. Um exemplo muito comum de desperdício, e que muitas vezes nem nos damos conta, é aquela verdura que fica esquecida na gaveta da geladeira.

"Alimentos in natura como esses têm prazo de validade curto. Mas com algumas técnicas, eles podem ter seu prazo de vida extendido. E aquele dinheiro que você iria gastar com a reposição desse alimento pode ser disponibilizado para outro item", conta Soraia Batista, nutricionista da Sodexo Benefícios e Incentivos e responsável pelo e-book Congelamento de Alimentos do Viver Bem.

AnaMaria Digital te conta outras dicas de economia!

Cuidado com prazo de validade!

Coloque na frente da geladeira os alimentos com prazo de validade mais curto, e tente mantê-los visíveis para ter acesso rápido durante o preparo, assim evita o vencimento dos produtos antes mesmo de consumi-los. Também opte por legumes com maior durabilidade como: aipo, cebola, batata, batata doce, inhame, cenoura, abóbora e brócolis.

Congele e conserve os alimentos

Com a rotina mais intensa, é fundamental planejar um momento para preparar e congelar diversos produtos que poderão ser consumidos ao longo do tempo. As práticas de congelamento facilitam o dia a dia, e garante a conservação dos nutrientes, reduzindo o desperdício.

Frango, carne bovina e peixes congelados são ideais para planejamento do cardápio. Já os molhos de tomate fresco na geladeira tem a durabilidade de até 3 dias e congelado 30 dias. Feijão e leguminosas podem ser cozidos e congelados em porções familiares ou individuais.

Aproveite ao máximo os alimentos

  • Utilizar cascas, talos e sementes podem garantir receitas diferentes, evitando o desperdício;
  • Após servir as refeições, os alimentos que estão na panela precisam ser armazenados em potes fechados na geladeira;
  • Não lave as frutas antes de colocar na fruteira. Somente antes do consumo;
  • Ovos frescos devem ser armazenados em recipientes com tampa sob refrigeração.

Utilize a técnica de braqueamento

Ela consiste em colocar esses alimentos em água fervente para depois mergulhá-los imediatamente na água fria pelo mesmo período dando um choque térmico e evitando que os alimentos cozinhem demais. Após essa etapa, os legumes e verduras estarão prontos para serem acondicionados em potes herméticos ou sacos plásticos próprios para comida para serem congelados;

Organize essas compras

Organize-se para ir às compras no máximo uma vez por semana e em horário de menor movimento.

Faça uma lista de compras

Sair de casa com objetivos específicos facilitam e muito as compras no mercado. Os itens organizados em listas podem ajudar a focar em alimentos mais saudáveis.

Faça compras on-line

Não precisa se deslocar para fazer as compras no mercado. Diversos aplicativos disponibilizam o serviço de forma on-line, o que acaba por trazer facilidades para o dia a dia na economia de tempo e evita aglomerações.

{# Taboola Newsroom #}