AnaMaria

Saiba ajudar na alfabetização do seu filho

Sua participação é muito importante, mas precisa ser feita de forma correta

AnaMaria Digital Publicado em 20/04/2018, às 12h36 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h46

Fique atenta ao ritmo da escola para não atrapalhar o aprendizado - Shutterstock
Fique atenta ao ritmo da escola para não atrapalhar o aprendizado - Shutterstock

O papel dos pais em casa tem uma importância fundamental no processo de alfabetização dos filhos, quando acabam de entrar na pré-escola. Nessa fase, a criança começa a conhecer um novo mundo e tudo deve acontecer de uma forma natural, simples e sem pressa ou pressões. É importante que os pais fiquem atentos ao ritmo da escola, para que não atrapalhem o aprendizado e não confundam a cabeça dos filhos. E lembrar que tudo é muito novo e que, se as informações forem passadas da forma errada, os resultados podem ser negativos. Para tornar esse processo mais fácil e proveitoso, conversamos com especialistas da empresa Cursos 24 horas, que nos deram dicas que podem fazer a diferença. Boa sorte!

Veja também:
Ajude seu filho a passar no vestibular!
8 dicas para seu filho gostar de estudar

1 - Crie o hábito de ler histórias: A leitura para a criança deve ser feita desde muito cedo, até mesmo antes dela começar a falar. Quando os pais criam o hábito de ler histórias para seus filhos, a criança começa a perceber desde cedo que os livros fazem parte da sua rotina e, automaticamente, crescem com o interesse na leitura. Para as crianças que já estão na fase de alfabetização, os pais podem ler junto dela. Tenha sempre o costume de sentar ao lado da criança com o livro e deixar que ela acompanhe a leitura com você. Assim, a criança consegue perceber que a leitura é feita da esquerda para a direita e que as palavras são escritas separadamente.

Ler as mesmas histórias também pode ser um bom caminho, pois é uma forma de fazer com que a criança amadureça ainda mais a sua competência em prestar atenção. Fça um texte: tente pular alguma parte da história que você já vai perceber que ela vai questionar e falar que está errado. Não esqueça de sempre ter à disposição livros coloridos de histórias e também de atividades divertidas, onde a criança pode rabiscar e desenvolver o hábito de brincar sozinha.

2 - Aproveite as oportunidades: Quando a criança começa a descobrir as cores, é natural que os adultos incentive com o que aparece na frente. Por exemplo, ao estacionar o carro, é comum falarem sobre a cor do carro ao lado. Com a alfabetização não é diferente. Que tal perguntar quais são as letras da placa do carro ao invés da cor? Sempre que puder, aproveite o que acontece em sua volta para incentivar a criança a ler algumas palavras.

3 - Seja um bom exemplo: As crianças percebem com atenção tudo o que acontece ao redor. E os pais são os maiores exemplos do dia a dia. Por isso, tenha o hábito de ler e deixe que seu filho perceba isso em você, pois, assim, aprenderá ainda mais que a leitura precisa ser algo constante na vida. 

4 - Escreva junto com o seu filho: Tente fazer atividades que demandam a escrita junto com o seu filho. Use revistas que tenham exercícios, como aquelas de letras pontilhadas, por exemplo. Além de ajudar na alfabetização, é importante também para que ela tenha uma caligrafia ainda mais nítida. Outra forma de incentivar a criança na escrita é incentivá-la a fazer a lista de compras para a casa. Nesse momento, ela pode escrever vários nomes com a sua ajuda e treinar. Faça um caderno com todas as letras (de forma e de mão) separadamente e, depois, as sílabas. 

5 - Use uma lista de telefones: Embora ultrapassada, ela é poderosa para ajudar na alfabetização do seu filho. Isso porque não é digital e tem um monte de nomes e números que podem ser folheados.