familiafilhos   / Maternidade

Claudia Leitte desabafa sobre relação com os filhos: ''Pagando todos os meus pecados’’

Cantora declarou que os filhos tem personalidade forte - tanto quanto ela, que deu muito trabalho para os pais

Da Redação Publicado terça 27 julho, 2021

Cantora declarou que os filhos tem personalidade forte - tanto quanto ela, que deu muito trabalho para os pais
Claudia Leitte afirmou que deu bastante trabalho quando criança - Instagram/@claudialeitte

Claudia Leitte está passando por alguns perrengues durante a criação dos filhos, Davi, de onze anos, de sete, e Bela, de dois. De acordo com a cantora, os três tem a personalidade forte e aprontam muitas estripulias - repetindo seu próprio ‘mau’ comportamento da infância.

"Dei muito trabalho para a minha mãe e para o meu pai. Acho que estou pagando todos os meus pecados agora, com os meus filhos. Eu tenho três filhos que são minha imagem e semelhança [risos]", afirmou ela para um podcast da Disney.

Bela, prestes a completar 2 anos, é a que mais puxa a personalidade da mãe. "A menina, então, é muito parecida comigo, muito bagunceira. Sempre fui e sempre serei. Já tentei lutar contra a minha própria natureza mas não deu muito certo", brincou.

CARREIRA
Na entrevista, Claudia ainda lembrou do início da carreira, quando recebeu a oportunidade de cantar em um grupo de pagodão baiano - mas acabou sendo expulsa  por puxar solos de rock n’roll no meio dos shows.

“Eu cantava rock progressivo. Fui expulsa, inclusive, da Nata do Samba. Esse era o nome da banda. E eles diziam: ‘Essa patricinha cantando rock n’ roll no meio…’ Quando eu pegava a guitarra para tocar Led Zeppelin no meio de um show de pagode eles queriam me matar. Fui expulsa da banda. Eu queria cantar tudo. Queria ser cantora. Me fortalecia cantar axé, pagode, rock and roll… Eu queria cantar!“, recordou.

THE VOICE
A loira ainda relembrou sua passagem por diversas edições do ‘The Voice Brasil’ e no ‘The Voice Kids’. Para este tempo, a famosa elegeu dois sentimentos: a empatia e a autoprojeção nos participantes marcou sua trajetória como jurada no reality.

“No The Voice adulto eu me via no palco, pensava em compartilhar aquilo que eu tinha de melhor com colegas meus que também estavam ali com o mesmo sonho que o meu. No de crianças, era um misto de maternidade, que eu tinha um sentimento de proteção muito grande aflorado em mim, com minha autoprojeção ali para o palco também, só que de uma época passada, não presente. Eu agia como eu gostaria que me tratassem na minha infância quando eu fui uma sonhadora, uma aspirante a cantora. E eu fui uma criança que queria ser cantora”. disse.

Por fim, Claudia ainda falou sobre o ‘The Voice +’, uma versão para cantores mais experientes. “Eu pensava: ‘meu Deus, eu preciso aprender muito. Mas essa é uma grande oportunidade para cada artista que está aqui’. São artistas que têm muita bagagem, muita experiência. Nunca na minha vida eu vi gente cantar tanto“, encerrou.
 

Último acesso: 18 Sep 2021 - 04:11:54 (1148147).