AnaMaria
Facebook AnaMariaTwitter AnaMariaInstagram AnaMariaSpotify AnaMaria

Desperte o chefinho que existe aí na sua casa!

Levar a garotada para a cozinha tem benefícios surpreendentes: eles vão aprender a comer melhor, ficarão mais organizados, pacientes, criativos...

Raquel Maldonado Publicado em 17/11/2015, às 10h00 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h44

filhos 993 - Carol Gherardi - Band
filhos 993 - Carol Gherardi - Band
O MasterChef Júnior estreia nesta semana com 20 crianças, entre 9 e 13 anos, disputando o título de melhor cozinheiro mirim do Brasil. O campeão ganhará, entre outras coisas, um troféu, uma viagem pra Disney e um curso de culinária. Mas, prêmios à parte, levar as crianças logo cedo para a cozinha tem vantagens que você nem imagina. Ao envolvê-las nesse mundo mágico de sabores e cores, elas passam a ter mais intimidade com os alimentos e a comer melhor, exatamente por participarem das várias etapas da receita. A culinária ainda estimula o raciocínio, dá noções de matemática, incentiva a leitura, aumenta o vocabulário... A seguir,
confira outros benefícios e aprenda a estimular seus filhos a tomarem gosto pela cozinha – tem até receitas!
Quem sabe, assim, vocês não descobrem um talentão em casa? 

Quanto mais cedo, melhor pra eles! 

A chef paulista Carol Perez dá aula de gastronomia para crianças há cinco anos. Segundo ela, até os bebês devem frequentar a cozinha. “Os pequenos aprendem olhando e vivendo a experiência. Colocá-los na mesa de jantar já é o início para criar bons hábitos alimentares. Apresentar o alimento cru – batata, por exemplo – e depois mostrar o processo de cozimento e de finalização – virando um purê – cria intimidade deles com o alimento. Assim, não terão medo de experimentar o novo”, afirma a professora do espaço Pé na Cozinha, em São Paulo. Para começar, a especialista recomenda levar as crianças às compras: “Nessa hora, estimule e ensine-as a identificar as diversas frutas, verduras e legumes, por exemplo, e pergunte o que dá pra fazer com elas”, diz.

Pra tudo sair bem delicioso

  • Pelo menos no início, prefira receitas mais simples, com poucas etapas e ingredientes.
  • Faça musses, pavês, saladas, sanduíches. Como não vão ao fogo, as crianças podem cozinhá-las do começo ao fim.
  • Guarde louças e todos os utensílios que não serão usados.
  • As crianças não devem usar facas ou o fogão sozinhas.
  • Quando os ingredientes forem ao fogo, coloque a panela no fundo, com o cabo longe do alcance das crianças.
  • Ajude-as a abrir latas, vidros e a cortar os ingredientes.
  • Ao cozinhar, deixe a tensão de lado e divirta-se. Mesmo se a receita der errado, a brincadeira das crianças estará garantida durante a preparação!
Cozinhar...

✔ ... ensina a provar novos alimentos sem preconceito.
✔ ... dá noções de higiene.
✔ ... trabalha a concentração.
✔ ... estimula o conhecimento de formas, cores e texturas.
✔ ... faz trabalhar em equipe.
✔ ... exercita a criatividade.
✔ ... desenvolve a capacidade de organização.
✔ ... estimula o raciocínio lógico e dá noções de matemática: elas vão precisar usar frações, medir, pesar, seguir todos os passos da receita.
✔ ... ensina sobre outras culturas, dependendo da origem do prato.
✔ ... é uma ótima oportunidade pra falar sobre lixo, desperdício, cuidado e respeito à natureza.
✔ ... ajuda a resolver problemas e a improvisar, caso algo não saia como o planejado.
✔ ... incentiva a leitura, aumenta o vocabulário.
✔ ... testa a paciência, uma vez que a criança vai colocar o bolo no forno e precisará esperar ao menos 40 minutos para tirá-lo!
✔ ... desenvolve os cinco sentidos: paladar, tato, audição, visão e olfato.
✔ ... melhora muito a coordenação motora ao ensinar a picar, misturar, bater, triturar, enrolar...



Sanduíche de bichinho

Ingredientes
  • 4 fatias de pão de forma
  • 2 colheres (sopa) de requeijão
  • 1 folha de alface
  • 2 fatias de queijo branco
  • 2 fatias de peito de peru
  • 4 tomates-cereja cortados ao meio
  • ½ cenoura ralada
  • 2 azeitonas pretas (sem caroço)

Modo de fazer: Passe requeijão e recheie o sanduíche com alface, queijo branco, peito de peru e os tomates – reserve uma metade para decorar. Para as orelhas, divida uma fatia de pão em quatro e faça lanchinhos de queijo e peito de peru. Encaixe-as no sanduíche grande e espalhe a cenoura ralada por cima. Faça dois círculos de pão para as bochechas e use meia azeitona no focinho e meio tomate na língua. Corte dois círculos menores de queijo para os olhos. Use a azeitona para os cílios e as pupilas.


Frango crocante

Ingredientes
  • 1 peito de frango cortado em tiras
  • Sal a gosto
  • 2 colheres (sopa) de creme de ricota
  • 10 bolachas salgadas quebradinhas

Modo de fazer: Tempere o frango com sal. Passe as tiras no creme de ricota e, em seguida, nas bolachas. Coloque o frango numa forma untada e leve ao forno médio por cerca de 20 minutos.


Biscoito de banana e aveia


Ingredientes
  • 2 bananas amassadas
  • 3/4 de xícara (chá) de açúcar mascavo
  • 1 colher (sobremesa) de canela em pó
  • 1 ovo batido
  • 1 ½ xícara (chá) de aveia em flocos grossos
  • ½ xícara (chá) de farinha integral
  • 1 colher (sobremesa) de fermento
  • 1 colher (sopa) de margarina

Modo de fazer: Misture todos os ingredientes com as mãos. Não se assuste, pois a massa vai ficar mais molinha mesmo. Assim que a mistura estiver homogênea, coloque-a em uma forma untada e enfarinhada com ajuda de uma colher. Deixe espaço entre os biscoitos, pois irão crescer um pouquinho no forno. Eles devem assar de 15 a 20 minutos.

{# Taboola Newsroom #}