AnaMaria
Facebook AnaMariaTwitter AnaMariaInstagram AnaMariaSpotify AnaMaria

Angélica revela que daria um “vale night” a Luciano Huck: “Depois ele me conta como foi”

A apresentadora Angélica também contou com quem passaria a sua noite especial

Da Redação Publicado em 13/07/2022, às 16h54

Angélica foi a convidada do último 'Quem Pode, Pod' - Instagram/@angelicaksy
Angélica foi a convidada do último 'Quem Pode, Pod' - Instagram/@angelicaksy

A participação de Angélica no ‘Quem Pode, Pod’ deu o que falar! A apresentadora abriu o jogo sobre o seu relacionamento com Luciano Huck e revelou que daria um “vale night” ao maridão.

Angélica contou a Fernanda Paes Leme e Giovanna Ewbank que Huck tem um crush em Scarlett Johansson e que, se ele tivesse a oportunidade, seria liberado para passar uma noite quente com a atriz norte-americana.

“Depois ele volta e me conta como foi”, disse, surpreendendo as apresentadoras. “Eu acho ela tão maravilhosa que tenho também uma paixão por ela”, confessou.

Virando o jogo, a dupla do podcast perguntou com quem a loira usaria o seu vale com a permissão do amado. A resposta foi Brad Pitt. “Esse foi um que envelheceu bem”, completou.

Confira o episódio do 'Quem Pode, Pod':

SAÍDA DA GLOBO

Angélicarevelou, em entrevista ao podcast de Giovanna Ewbank e Fernanda Paes Leme, que sua saída da Globo aconteceu de forma gradual, depois de 24 anos na emissora.

"Começaram a mudar as coisas e comecei a não me encaixar em alguns projetos, em outros que eles queriam de mim o que eu queria deles, ficou um casamento sem graça... 'Estrelas' acabou... tava nessa onda de fazer algo mais voltado pra outro tema e ninguém comprou muito essa ideia", revelou a apresentadora.

Em seguida, ela detalhou como foi sua despedida da empresa: "Meu contrato acabou, fiz o projeto para o 'Simples Assim', então assim foi acabando, quando foi, já tinha saído”.

“Hoje acho que foi bem legal, porque foi indo aos poucos, foi tudo maravilhoso, até pessoas que na época eu tive raiva, porque não aceitaram o projeto, hoje eu agradeço, mando flores, porque foi legal", comentou.

Angélica seguiu dizendo que, apesar de não ter sentido isso na época, atualmente vê tudo o que passou como algo bom: "Porque a gente tem costume de se acomodar nos lugares, é muito ruim se acomodar aos 40 anos, você tem que se desafiar”.

“Se esses projetos tivessem sido aprovados, não teria me libertado, foi tudo do jeito que tinha que ser, tenho muita gratidão, muito amor, mas não deixei muitos laços porque as pessoas que fizeram parte da minha história não estão mais lá", revelou sobre a saudade da emissora.