AnaMaria
Famosos / Soltou o verbo!

Após incêndio na cinemateca, Samantha Schmütz dispara: ''Cadê as beldades que estavam em Cannes?''

Atriz soltou o verbo em relação ao silêncio dos colegas do meio artístico

Da Redação Publicado em 30/07/2021, às 16h09 - Atualizado às 16h20

A atriz não poupou críticas aos 'isentões' do meio artístico - Instagram/ @samanthaschmutz
A atriz não poupou críticas aos 'isentões' do meio artístico - Instagram/ @samanthaschmutz

Samantha Schmütz usou as redes sociais, na tarde desta sexta-feira (30), para mostrar a sua indignação com o governo e os artistas que se calaram diante do incêndio que atingiu aCinemateca, em São Paulo. Sincerona, a atriz não poupou críticas em seu perfil oficial no Instagram, onde compartilhou uma ilustração de lágrimas e fogo com a seguinte mensagem: "A cinemateca está pegando fogo. Estamos queimando junto".

"Meu coração 'arte' em chamas… Fora Bolsonaro! Fora artistas coniventes com esse absurdo, que ajudaram a eleger esse governo e seguem quietos sem se importar, mas usurpam da arte para enriquecer, enquanto verdadeiros artistas não conseguem espaço", desabafou ela na legenda da publicação.

E não pense que Samantha parou por aí. Revoltada, ela soltou o verbo nos Stories também. "Fico pensando que as pessoas, os artistas que apoiam esse governo, que ajudaram a eleger esse governo, que fazem cinema, estão quietas. [...] Essas pessoas deveriam ter vergonha na cara e nunca mais pisar em um set de filmagens, nem para fazer figuração, que fosse", disparou.

A atriz ainda foi mais direta e criticou colegas de profissão que marcaram presença no Festival de Cannes recentemente, mas que continuam se isentando.

 "Cadê as beldades que estavam em Cannes desfilando seus colares? Atrizes, modelos, cadê, gente? Vocês, lindas, que foram ao Cannes? [...] Pessoas vão para Cannes representar o cinema brasileiro, mas nunca venderam um ingresso. Vamos acordar, está tudo errado! Parem, acordem! Parem de pensar só no seu umbigo e em sua conta bancária".

Por fim, ela concluiu: "Eu acho muito covarde. Meu sonho é que pseudo-artistas não ocupem lugar de verdadeiros artistas. Em vez de estar em Cannes, vocês deveriam estar em cana. É isso o que eu acho. Presos por omissão, por colaborar e serem coniventes com a destruição, com o sucateamento da nossa profissão."