AnaMaria
Famosos / Fofo!

Após saída da TV Globo, Chico Pinheiro cogita trabalhar como motorista de aplicativo

Chico Pinheiro deu mais detalhes sobre sua decisão em mudar de área

Da Redação Publicado em 03/05/2022, às 16h00

Chico Pinheiro deu mais detalhes sobre sua decisão em mudar de área - Reprodução / TV Globo / Instagram
Chico Pinheiro deu mais detalhes sobre sua decisão em mudar de área - Reprodução / TV Globo / Instagram

Chico Pinheiro mostrou, nesta terça-feira (3), que tem vontade de se reinventar no mercado de trabalho.Em entrevista à jornalista Cristina Padiglione, da Folha de S. Paulo, o ex-âncora do 'Bom dia Brasil' contou sobre seus planos profissionais após deixar a TV Globo e fez uma revelação para lá de surpreendente: o apresentador gostaria de trabalhar como motorista de aplicativo.

“Montar um escritório de media training para políticos e empresários, ou virar motorista de carro de aplicativo”, disse ele. Na sequência, o jornalista explicou o motivo: “Adoraria rodar pela cidade, cada hora pegar uma pessoa que eu não sei para onde vai e ouvir a história dela. Adoro dirigir, ouvir histórias e rodar pela cidade".

Sem perder o bom humor, Chico contou ainda como receberia seus passageiros: “Não dou cafezinho nem água, mas estou disposto a ouvir essas pessoas todas. Pego um no aeroporto: ‘Onde é que você vai?’, ‘Cemitério São João Batista’’. Vou só ouvindo. ‘Vou fechar um negócio das arábias’, ‘Vou encontrar alguém’, aí já tem uma história de amor. Vou ouvindo tudo isso e depois registro no meu diário de bordo pra contar essas histórias anonimamente, sem identificar ninguém. É uma ideia”.

MUITOS ANOS DE GLOBO

A TV Globo comunicou a saída do jornalista Chico Pinheiro, nesta sexta-feira (29). As informações foram divulgadas aos funcionários da emissora através de um comunicado interno escrito por Ali Kamel, diretor-geral de jornalismo.

Segundo ele, a decisão partiu de ambas as partes. “Depois de 51 anos de jornalismo diário, 32 deles na Globo, em comum acordo com a emissora, Chico decidiu deixar o dia a dia da vida de repórter, como ele faz questão de se definir”, diz um trecho da nota.

Kamel explicou que Chico Pinheiro, aos 68 anos de idade, pretende aproveitar um tempo sabático e depois retornar às atividades em ritmo espaçado. Em menção ao último trabalho do jornalista na emissora, o diretor-geral pontuou: “Ele combinou comigo que esperaria o fim de mais uma brilhante transmissão do Carnaval, a que se dedica há 20 anos, para que esse anúncio fosse feito, numa sexta-feira”.

O ‘chefão do jornalismo’ aproveitou a oportunidade para agradecer os serviços prestados pelo ex-funcionário à TV Globo. “De nós, seus colegas e amigos, fica o reconhecimento de ter convivido na redação com um dos grandes jornalistas que a televisão brasileira já produziu e uma das pessoas ‘boa gente’ com quem já compartilhamos histórias e experiências”.

“Entre mim e Chico fica o carinho e a amizade, e muitas sextas-feiras por vir. A ele, agradeço em nome da Globo por toda a contribuição que deu ao nosso jornalismo”, finalizou Kamel fazendo referência ao bordão do jornalista às vésperas do fim de semana: "Graças a Deus, é sexta-feira!".

Não há um substituto oficial para Chico Pinheiro ao lado de Ana Paula Araújo na bancada do ‘Bom Dia Brasil’. Vale mencionar que essa não foi a única perda ao jornalismo da emissora esta semana: Carlos Tramontina deixou a casa após quase 44 anos.

CARREIRA

Chico Pinheiro começou a carreira na Globo Minas em 1977, aos 24 anos de idade. Após uma pós-graduação na Espanha, ele foi promovido de chefe de reportagem da afiliada para repórter do Jornal Nacional em Belo Horizonte.

Entre 1989 e 1995, Pinheiro teve uma passagem pela Band, porém retornou à TV Globo como âncora do ‘Bom Dia São Paulo’. O jornalista também já compôs as bancadas do ‘Bom Dia Brasil’ e ‘SPTV’, além de ser um marco na cobertura dos Carnavais.