AnaMaria
Famosos / Ué?

Carlinhos Maia informa que foi convidado para se vacinar contra Covid-19 e Governo desmente

Governo de Alagoas afirmou que influenciador não está no grupo da primeira fase de vacinação

Da Redação Publicado em 18/01/2021, às 18h02 - Atualizado às 18h02

Carlinhos Maia informa que foi convidado para se vacinar contra Covid-19 e Governo desmente - Reprodução/Instagram
Carlinhos Maia informa que foi convidado para se vacinar contra Covid-19 e Governo desmente - Reprodução/Instagram

Carlinhos Maia agitou a web novamente! Isso porque o influenciador usou as redes sociais, nesta segunda-feira (18), para divulgar que havia recebido um convite para tomar a vacina contra a Covid-19. 

Na ocasião, o Youtuber explicou que tudo fazia parte de uma estratégia da campanha de vacinação, na qual a celebridade iria influenciar os seguidores a se vacinarem também. 

Carlinhoschegou a relatar que havia declinado o convite, uma vez que não realizou o isolamento social de forma adequada e por isso acreditava que não seria justo com aqueles que permaneceram em casa desde o inicio da pandemia. 

"Me convidaram aqui no meu estado para ser um dos primeiros a tomar a vacina. Não acho justo com quem ficou em casa todo o esse tempo, não aceitei. Mas filmarei mesmo assim para incentivar ainda mais a vacinação dentro do público que me segue".

E continuou: "Lembrando que a ideia era pela divulgação, por que tem gente que ainda tem medo de tomar a vacina. Mas farei a divulgação mesmo assim", disse.

No entanto, após receber uma enxurrada de críticas, o Governo de Alagoas desmentiu a informação em um comunicado oficial emitido. Na declaração, informaram que somente as pessoas do grupo de risco serão imunizadas na primeira fase da vacinação.

 "Estão neste grupo os profissionais de saúde que atuam na linha de frente no combate à COVID-19, indígenas e idosos residentes em abrigos. Não procedem informações de convites feitos a qualquer cidadão fora deste grupo", asseguraram. 

A situação não foi bem recebida pelos internautas. O post de Carlinhos chegou a ser questionado até pela atriz Aparecida Petrowky.

"Não entendi? Você não irá tomar a vacina no momento. Ótimo gesto. Mas vai filmar o que? Você tomando a vacina? Ou quem vai tomar a vacina para incentivar?", perguntou ela.  

Após a repercussão do caso, o influenciador chegou a mencionar a manchete de um perfil no Instagram sobre fofocas e contou que o convite não havia partido do Governo. 

"Mas em qual momento citei que foi o governador que me chamou? A ideia partiu de outro órgão, na intenção de influenciar as pessoas que não querem tomar a vacina, se inspirando na Indonésia, que teve atitude parecida. Mas a ideia foi descartada por ambos, a intenção era só divulgar. Mas se precisar, estarei lá filmando. Só fiz o comentário sobre, para não parecer incoerência, caso precisasse de divulgação da vacinação", finalizou.