AnaMaria
Famosos / Concurso

Cearense Teresa Santos é a grande vencedora do Miss Brasil 2021

Em dezembro, a modelo irá representar o país no Miss Universo

Da Redação Publicado em 10/11/2021, às 08h49 - Atualizado às 08h51

Teresa Santos venceu o Miss Brasil 2021 - Antares Martins/Instagram/@teresabsantos
Teresa Santos venceu o Miss Brasil 2021 - Antares Martins/Instagram/@teresabsantos

A cearense Teresa Santos, de 23 anos, é a grande vencedora do Miss Brasil 2021. Ela, que é modelo, estudante de psicologia e empresária, foi anunciada como ganhadora, na noite da última quarta-feira (9) e, agora, irá representar o país no Miss Universo. 

A final do concurso foi realizada de uma maneira diferente este ano. Isso porque foi gravada à bordo de um cruzeiro no Rio de Janeiro, no último domingo (7). Na ocasião, Teresa e as outras finalistas Carol Valença, de Sergipe, e Gaby Lacerda, do Piauí, gravaram - cada uma -  o momento da coroação para manter o segredo do resultado.

O anuncio da vencedora foi exibido em uma live na quarta-feira, deixando a cearense muito emocionada. Gaby ficou em segundo lugar, enquanto Carol conquistou o terceiro. 

Vale lembrar que essa não foi a primeira vez que Teresa participou do evento. Em 2018, ano de sua estreia no Miss Brasil, a loira subiu no pódio e ocupou o terceiro lugar. 

Com a vitória, Teresa ganhou uma bolsa de estudos, R$ 50 mil e um contrato com a organização do concurso. Em dezembro, ela irá representar o país no Miss Universo, que acontecerá em Israel. A jovem viajará para o país já no final do mês para iniciar o confinamento. 

QUEBRA DE TRADIÇÃO

A Miss Brasil 2020 Julia Gama não esteve presente na coroação de sua sucessora, o que configura uma quebra de tradição no evento. Em um longo relato em seu perfil do Instagram, na última quinta-feira (4), a modelo afirmou que a decisão partiu da própria organização do concurso.

"Queridos Missamores, é com tristeza que hoje venho anunciar oficialmente que não estarei presente na final do Miss Universo Brasil 2021. Esta foi a decisão da Organização do Miss Universo Brasil, que após haver formalmente me convidado para participar do evento, há poucos dias atrás me enviou um novo e-mail dispensando minha presença", contou Julia. "Como eles não deram explicações do porquê de tal decisão me resta respeitar a decisão deles mesmo sem entendê-la", continuou.

Ela ainda afirmou que não está indiferente à situação, uma vez que se dedicou ao título de Miss para representar o país da melhor maneira. "E mesmo que compartilhássemos de opiniões distintas e, até mesmo, valores conflitantes, eu acredito que juntos, eu e a Organização do Miss Universo Brasil realizamos um trabalho incrível juntos, que nos rendeu inclusive o título de Vice Miss Universo", acrescentou. 

Julia disse também que está triste por não poder estar no desfile. "Não poder encerrar este ciclo como manda o protocolo e a tradição do Miss Brasil: com um desfile digno, um discurso de despedida e coroando minha sucessora."

Para concluir o seu desabafo, a modelo agradeceu o carinho que sempre recebeu do público, para quem dedicou seu título. "Ao mesmo tempo, eu sei que tem um Deus que comanda tudo. Ele me fez Miss Universo Brasil 2020 e Vice Miss Universo. Sei que nada até aqui foi acaso, e acredito que esta situação também não seja. Apenas confio que o melhor sempre acontece", encerrou. 

MOTIVAÇÕES
Em entrevista para o F5, do jornal Folha de S. Paulo, Julia afirmou que não sabe o motivo de ser desconvidada para o concurso, mas revelou acreditar que seja por viés políticos. "Temos sim uma divergência política, já que eles são declaradamente bolsonaristas, e eu não", disse.  

Marthina Brandt, diretora executiva do Miss Universo Brasil, afirmou ao jornal que Gama descumpriu contrato, sendo essa a razão para ser dispensada. Ela ainda negou que as motivações tenham sido políticas. "Não existe essa questão [de bolsonarismo], pois nunca falamos desse tema", afirmou.