AnaMaria
Famosos / Complicado!

Conrado lamenta morte de dupla, Aleksandro, após acidente de ônibus em São Paulo

A dupla sofreu um acidente de ônibus no último sábado (7)

Da Redação Publicado em 08/05/2022, às 08h51

A dupla sofreu um acidente de ônibus no último sábado (7) - Reprodução/Instagram
A dupla sofreu um acidente de ônibus no último sábado (7) - Reprodução/Instagram

Conrado Bueno, dupla do cantor Aleksandro, fez uma publicação emocionante sobre a morte do amigo de infância e ex-parceiro na música. O sertanejo faleceu, aos 34 anos, no último sábado (7), após sofrer um acidente de ônibus na rodovia Régis Bittencourt, em São Paulo.

"Foram 15 anos compartilhando sucessos, alegrias e incertezas. Se foi sem um abraço, sem uma conversa. Você deixa lembranças de uma história! Recordo agora da nossa jornada, os desafios que percorremos nesse tempo. Foi muito bom fazer essa travessia com você!", disse ele.

Na sequência, Conrado lamentou que não teve a oportunidade de se despedir do parceiro. “Vão ficar na memória e no coração os momentos que tivemos! Obrigado por me acompanhar nessa trajetória! Uma pena partir tão rápido, sem tempo para eu te dar o último abraço! Vou estar aqui, rezando por você! Que Deus conforte toda a família”, completou.

O ACIDENTE

Aleksandro, da dupla com Conrado, morreu aos 34 anos, neste sábado (7), após um acidente de ônibus na rodovia Régis Bittencourt, na altura de Miracatu, no interior de São Paulo. As informações são da Polícia Rodoviária Federal e foram confirmadas pela assessoria do cantor ao Jornal Hoje, da TV Globo. Conrando sobreu ferimentos leves e está hospitalizado.

Além de Aleksandro, outros cinco passageiros também não resistiram. A identidade das vítimas, porém, ainda não foi divulgada. O ônibus saiu da pista após o pneu dianteiro esquerdo estourar e o motorista perder o controle, tombando o veículo no canteiro central.

OUTRAS VÍTIMAS

Ao todo, estavam no ônibus 19 pessoas. Seis pessoas morreram no local, duas não sofreram lesões e 11 foram levadas ao pronto-socorro da região com ferimentos leves.

A dupla sertaneja e pessoas de sua produção saíram de Tijuca do Sul, no Paraná, após um show, e estavam viajando em direção a São Pedro, no interior de São Paulo, para uma nova apresentação.

O Corpo de Bombeiros confirmou nas redes sociais o número de mortos e revelou que mais oito vítimas foram socorridas até as 12h44. Além disso, sete viaturas estão no local para atendimento.

De acordo com a Arteris, concessionária que administra o trecho, a pista está interditada no km 402, sentido Curitiba e há 10 km de fila. Enquanto no sentido São Paulo, o trânsito flui e há registro de 2 km de fila.