AnaMaria
Famosos / Ex-casal

Cristiana Oliveira relembra casamento com Fábio Assunção e dispara: ''Admiro muito''

Atores foram casados por três anos, em 1990; eles não têm mais contato atualmente

Da redação Publicado em 07/05/2022, às 09h34

Cristiana Oliveira e Fábio Assunção tiveram um casamento de três anos - Instagram/@oliveiracris10/@fabioassuncaooficial
Cristiana Oliveira e Fábio Assunção tiveram um casamento de três anos - Instagram/@oliveiracris10/@fabioassuncaooficial

Você sabia que Cristiana Oliveira já foi casada com Fábio Assunção? Em entrevista ao podcast Papagaio Falante, a atriz relembrou a relação com o ator, que aconteceu no início da década de 1990, e disparou diversos elogios a ele.

"Fui a primeira mulher dele, ele tinha 19 anos. [...] Fábio era outro dessa praia da inteligência, da cultura, do questionamento. Fabio sempre foi um cara muito questionador e eu não tinha esse conhecimento. Ele também veio do teatro de São Paulo. Ele é um super ator, era um cara muito entregue. Enfim, eu o admiro muito", revelou a artista.

Embora o clima pareça ser amistoso, Cristiana afirmou que não fala com o ator há certo tempo. Entretanto, isso não é motivo para ela não acompanhar de longe a vida do ex-marido. "A gente já perdeu o contato há muito tempo, mas eu sou uma grande admiradora da trajetória do Fabio."

Tanto é que ela ainda destacou: "Ele foi um guerreiro. Com tudo o que ele passou na vida dele, ele hoje está bem para cacete, super bem casado, acabou de ter uma filhinha, é um put* de um ator. A gente tem que aplaudir", disse.

NÃO SE DAVAM BEM

Ainda no podcast, Cristiana falou como era a relação com Marcos Winter. Em 1990, os dois interpretaram Juma e Jove, respectivamente, na versão original de 'Pantanal', exibida na extinta TV Manchete, e formavam par romântico.

"A gente não ia com a cara um do outro", entregou a atriz. "O Marquinhos sempre foi um cara intelectualizado, ele veio do teatro. Ele era um ser pensante, um cara que questionava as coisas, que tinha uma consciência política e artística. Ele tinha um pouco de preconceito com a televisão. Naquela época, tinha fama de que ator de verdade não podia fazer televisão, tinha que fazer cinema, teatro", explicou.

A artista admitiu que nunca conversou sobre o assunto com o ator, mas relembrou: "Um dia ele falou para mim: 'A gente não é da mesma praia, a gente é de praias diferentes'."