AnaMaria
Famosos / Fim trágico

Filho de Bruce Lee também morreu em set de filmagens após disparo de arma

Tragédia aconteceu durante as gravações do filme 'O Corvo'

Da Redação Publicado em 22/10/2021, às 10h12 - Atualizado às 10h24

Brandon Lee no filme 'O Corvo', lançado em 1994 - Divulgação
Brandon Lee no filme 'O Corvo', lançado em 1994 - Divulgação

A morte do filho do ator Bruce Lee, Brandon Lee, foi relembrada nesta sexta-feira (22), diante do caso envolvendo o ator Alec Baldwin, que disparou uma arma acidentalmente nas gravações do filme 'Rust' e matou a diretora de fotografia Halyna Hutchins, além de ferir o diretor do filme Joel Souza.

O caso de Brandon não foi muito diferente. Em 1993, o ator foi convidado para atuar no filme 'O Corvo' e acabou morrendo por causa de um descuido da produção nas gravações das últimas cenas do longa.

No episódio que causou a tragédia, o ator levaria um tiro de uma arma real, mas carregada com balas de festim, que são inofensivas porque não têm pólvora e nem detonador, sendo usadas em trabalhos cinematográficos.

No entanto, o mesmo revólver foi usado com munição de verdade para outro take realizado anteriormente, no intuito de fazer o tiro parecer mais real. O problema é que, em seguida, a equipe de produção carregou a arma com as balas de festim, mas não checou se restava algum projétil. 

Com isso, na gravação de uma cena, o ator Michael Massee atirou em Brandon, atingindo-o na barriga. Lee foi levado ao hospital da Carolina do Norte, nos Estados Unidos, onde era rodado o filme. Ele passou por seis horas de cirurgia, mas não resistiu e morreu aos 28 anos. 

Linda Lee Caldwell e Eliza Hutton, mãe e noiva do ator, respectivamente, apoiaram o fim das gravações e o lançamento de 'O Corvo', que saiu nos cinemas em 1994. As cenas que restavam para Brandon filmar foram concluídas por dublês e amigos.  

Michael Massee, por sua vez, revelou, em 2005, que ainda não havia superado o acidente e tinha pesadelos com o ocorrido. O trauma levou o ator a ficar um ano sem atuar. Ele contou que nunca assistiu ao filme.