Filho de Eva Wilma faz homenagem após morte da mãe: ''Obrigado’’

John Herbert Junior foi sucinto, mas publicou uma foto em companhia da atriz

Da Redação Publicado domingo 16 maio, 2021

John Herbert Junior foi sucinto, mas publicou uma foto em companhia da atriz
John Herbert Junior, filho da atriz com o companheiro de cena John Herbert - Instagram/@johnherbertjunior

Luto! Após a morte da atriz Eva Wilma, seu filho, John Herbert Junior, publicou uma imagem em companhia da mãe.O registro foi postada no Instagram na noite do último sábado (15), logo após a nota que anunciava o falecimento da veterana.

Sucinto, John apenas escreveu “obrigado, mãe”. Na foto, os dois aparecem se apresentando em um palco.

A atriz morreu na noite do último sábado (15), aos 87 anos em decorrência de complicações de um câncer no ovário.  A artista estava internada desde o dia 15 de abril no Hospital Albert Einstein, na Zona Sul de São Paulo, onde tratava problemas cardíacos e renais provenientes do tumor.

Nos comentários, os seguidores desejaram forças. "Como eu amo a sua mãe", declarou Maria Padilha. "Que Deus a acolha em seus braços", desejou um fã. Beth Goulart, que também perdeu a mãe, Nicette Bruno, recentemente, deixou emojis de coração partido.

Eva foi casada com o parceiro de cena John Herbert entre 1955 e 1976. Juntos, o casal teve dois filhos: Vivien Riefle Buckup e John Herbert Junior Riefle Buckup. Três anos depois da separação, ela se casou com o ator Carlos Zara, que faleceu em 2002, mas a união não gerou herdeiros. A artista deixa quatro netos. 

 

 

HOMENAGEM DE DIA DAS MÃES
Na semana passada, John escreveu um belo texto, homenageando a mãe, então internada na Unidade Terapia Intensiva (UTI).

"Minha mãe não me acordava pra ir pra escola. Não me dava café. Não fazia meu almoço. De vez em quando jantava comigo. Enquanto ela construía uma das carreiras de maior sucesso, se tornando uma das maiores atrizes do Brasil, eu crescia... feliz. A liberdade, a dignidade, o trabalho, a honestidade, a conduta e a dedicação foram o maior exemplo pra mim”, começou ele.

Ele também mencionou a sorte por ter Eva como mãe. “Já homem, poder dividir o palco, aprender, reviver e compartilhar esse espaço sagrado com você, mãe, uma maestrina deste ambiente, foi pra mim um privilégio único. Veio a crise pela qual ainda passamos e interrompeu esta nossa experiência. Mas o privilégio da alegria, do aprendizado de poder dividir esse seu espaço, que se integra à sua e à nossa própria vida, me fez te entender melhor, nos fez nos entendermos melhor, e me fez melhor a cada dia. Obrigado mãe. Obrigado, Deus! A cada dia percebo a sorte de te ter ao meu lado. Feliz dia das mães”, encerrou.

Último acesso: 20 Sep 2021 - 14:49:01 (1145043).