AnaMaria
Famosos / Eita!

Geraldo Luís revela que sequelas da covid-19 pioraram problemas de coração

O apresentador ainda sofre com as consequências da doença

Da Redação Publicado em 21/11/2021, às 16h53 - Atualizado às 16h53

Geraldo Luís - Instagram/@geraldoblanca
Geraldo Luís - Instagram/@geraldoblanca

Geraldo Luís passou por grandes dificuldades recentemente. O apresentador foi internado às pressas após sentir dores no peito, um dos sintomas da covid-19. 

Após sobreviver à doença, Geraldo revelou que as sequelas da covid-19 agravaram seu problema no coração, o que foi o necessário para que ele fosse ao Hospital Vila Nova Star, em São Paulo (SP), realizar uma série de exames. “Recebi um milagre”, confessou.

"Os médicos fizeram um cateterismo para saber o que estava acontecendo e descartar a possibilidade de um infarto. Eles comprovaram que eu tenho placas de gordura nas coronárias, e a Covid pode ter agravado [o quadro]", contou o apresentador durante uma live em seu perfil no Instagram, neste domingo (21). 

Além disso, Geraldo também foi alertado pelos profissionais de saúde sobre a possibilidade de precisar de stents nas artérias, artifício utilizado para liberar o fluxo de sangue, mas que por enquanto, o apresentador pode seguir com um tratamento menos invasivo. 

“Mais uma vez foi a presença de Deus, de Jesus, porque não precisou colocar o stent, que é uma molinha que vai por esse buraquinho, esse caninho que furaram aqui, até o coração", contou o apresentador, exibindo o curativo no antebraço.

PROCUROU AJUDA
Geraldo aproveitou para contar que buscou ajuda médica após sentir dores no peito durante sete dias, que estava disfarçada pela diabete. 

“Não tenho mais vinte anos de idade. De uma semana para cá, comecei a ter uma canseira absurda. Pensei que fosse a diabetes, que realmente estava descompensada. Na quarta, a minha pressão deu uma subida séria e, na sexta,senti um mal-estar e uma sensação muito ruim. Imediatamente liguei para minha médica e fui para o hospital”, explicou.

O apresentador revelou que passará por uma reeducação alimentar para diminuir as placas, além de um tratamento em casa. “Se eu não cuidar dessas placas, que já estão entre 25 e 30%, elas podem aumentar, entupir as artérias e culminar em um infarto", completou. 

Por fim, Geraldo contou que foi salvo por uma graça divina. “Eu sou um homem que, todas as noites, dobro o meu joelho. Tenho muita fé. Minha oração não é apenas a Ave Maria ou o Pai Nosso", finalizou.

Vale ressaltar que o apresentador contraiu covid-19 em fevereiro deste ano, passou 22 dias no hospital, 11 deles na UTI (Unidade de Tratamento Intensivo). Além disso, Geraldo também teve uma infecção nos pulmões e passou por uma fisioterapia respiratória.