AnaMaria
Famosos / Marília Mendonça

Irmã do copiloto de Marília Mendonça rebate críticas ao profissional: ''Foi um herói''

Após o acidente que matou cinco pessoas, incluindo Marília, a experiência profissional dos pilotos foi questionada

Da Redação Publicado em 06/11/2021, às 21h10 - Atualizado às 21h21

Marília Mendonça e Tarciso Pessoa morreram em acidente na última sexta (5) - Reprodução/Instagram
Marília Mendonça e Tarciso Pessoa morreram em acidente na última sexta (5) - Reprodução/Instagram

Nadia Viana, irmã de Tarciso Pessoa Viana, o copiloto no acidente de avião com Marília Mendonça, se revoltou contra comentários maldosos sobre a integridade do piloto. Depois da tragédia, alguns internautas e veículos de notícia chegaram a questionar se o piloto e copiloto teriam experiência para fazer o trajeto de Goiás até Minas Gerais.

No sábado (6), Nadia usou as redes sociais para defender o irmão. Segundo ela, o rapaz era muito apto para a ocasião, assim como indicou a PEX Táxi aéreo, empresa da aeronave que transportava a cantora.

“Você foi um herói, sei que tentou de tudo. Meu piloto preferido”, lamentou ela via Stories, no Instagram. “Meu irmão tinha muitas horas de voo. Ele era um profissional”, completou ela, indignada, ao divulgar uma nota da PEX. “Eu sei que você tentou”, reafirmou Nadia.

A empresa confirmou que Geraldo e Tarciso, piloto e copiloto, responsáveis pela condução do avião, "tinham grande experiência em voo" e estavam devidamente habilitados pela Anac (Agência Nacional de Aviação Civil), "com todos os treinamentos atualizados".

Diferentemente de Marília, que foi enterrada hoje, o corpo de Tarciso será velado pela família no Distrito Federal, no domingo (7).

O ACIDENTE
Marília Mendonça 
morreu, aos 26 anos, após sofrer um acidente aéreo na tarde de sexta-feira (5). O avião em que a cantora estava caiu no município de Piedade de Caratinga (MG). A aeronave caiu em uma cachoeira e, até às 18h15 do mesmo dia, o resgate dos cinco corpos presentes no avião ainda acontecia.

Na aeronave estavam a sertaneja, um produtor, um assessor (que era tio da cantora), o piloto e o copiloto. A artista tinha um show marcado na região. Mais cedo, a sertaneja havia compartilhado eu suas redes sociais um vídeo bem-humorado, mostrando sua refeição durante a viagem. O último post foi feito à tarde, por meio da ferramenta Stories, no Instagram, na qual ela conversava com os fãs.

Inicialmente, a assessoria de Marília Mendonça confirmou para a imprensa que todos haviam sido resgatados com vida, mas acabou confirmando a notícia da morte no fim da tarde, após o resgate dos corpos. "Com imenso pesar, confirmamos a morte da cantora Marília Mendonça, seu produtor Henrique Ribeiro, seu tio e assessor Abicieli Silveira Dias Filho, do piloto e co-piloto do avião, os quais iremos preservar os nomes neste momento. O avião decolou de Goiânia com destino a Caratinga/MG, onde Marília teria uma apresentação esta noite. De momento, são estas as informações que temos".