AnaMaria
Busca
Facebook AnaMariaTwitter AnaMariaInstagram AnaMariaYoutube AnaMariaTiktok AnaMariaSpotify AnaMaria
Famosos / CONFIRA

João Silva critica 'romantização da obesidade': "Pode matar muita gente"

João Silva perdeu cerca de 75kg desde a cirurgia bariátrica

O filho de Faustão expôs os perigos da obesidade. - Reprodução
O filho de Faustão expôs os perigos da obesidade. - Reprodução

João Guilherme Silva foi convidado do 'O Programa de Todos os Programas', do R7, da última quarta-feira (15). Dentre outros assuntos, o filho de Fausto Silva comentou sobre os perigos da "romantização da obesidade" e e o impacto posivitivo de sua cirurgia bariátrica

O apresentador reforçou que o procedimento, realizado quando ele ainda tinha 16 anos, não foi por motivo estético: "Eu nunca fui aquele cara chateado, insatisfeito. Essa decisão [de fazer a cirurgia bariátrica] foi muito pela saúde", iniciou".

"Quando eu vi os exames, eu pensei: 'se eu ficar assim, vai dar um problema no futuro'. Tem muita gente com a obesidade - uma coisa hoje em dia muito romantizada. Você pode matar muita gente romantizando a obesidade", argumentou João Silva.

Por outro lado, ele reconhece que o emagrecimento trouxe benefícios além da saúde. O comandante do 'Programa do João', exibido aos sábados na Band, perdeu cerca de 75kg desde o procedimento - realizado em maio de 2020.

"O fato de ter feito a cirurgia e emagrecido, a autoestima aumenta, a qualidade de vida e o sono melhoram... Você acaba sendo uma pessoa mais feliz, alegre, contente com a vida", confessa João, ainda no bate-papo com Flavio Ricco Gabi França.

MISSÃO

João Guilherme Silva tem se dedicado a fazer uma campanha de incentivo à doação de orgãos, desde que seu pai, Faustão, passou por um transplante de coração. Para o jovem, trata-se de uma "missão de vida" e ao jornal O Globo, ele detalhou o assunto. 

Ele quer criar um Projeto de Lei: "Continua ativo o "Faustão do meu coração", perfil no Instagram que a minha mãe (Luciana Cardoso) fez para contar histórias de sucesso de transplantes e ajudar pessoas que estão passando por esse processo. E a gente foi a Brasília apoiar o projeto de lei sobre doação presumida de órgãos. Muita gente entendeu como doação obrigatória, mas não é isso. Veja mais aqui.

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!