AnaMaria
Facebook AnaMariaTwitter AnaMariaInstagram AnaMariaSpotify AnaMaria

Juliana Paes é criticada por internautas após celebrar a segunda-feira

Juliana Paes mais uma vez foi criticada após incentivar a comemoração da chegada da segunda-feira

Da Redação Publicado em 14/06/2022, às 13h31

Juliana Paes é novamente criticada por internautas. - Instagram/@julianapaes
Juliana Paes é novamente criticada por internautas. - Instagram/@julianapaes

Juliana Paes usou o Twitter para dar a sua opinião sobre a maneira como as pessoas enxergam o início da semana, nesta última segunda-feira (13). A morena propôs que todas as pessoas celebrassem a segunda como fazemos na sexta-feira.

 "E se a gente passasse a comemorar o segundou da mesma maneira que comemoramos o sextou? Isso é demais??? Vejo cada semana como um recomeço, colocando tudo no lugar, refletindo e me organizando, então vejo as segundas como algo positivo. Vamo que vamo", escreveu ela.

O que a atriz não esperava era uma chuva de críticas sobre a postagem. “Não tem a mínima ideia do trampo que é viver no Brasil”, escreveu uma seguidora. “Hoje a Juliana Paes acordou e pensou ‘qual vai ser a vergonha do dia?’”, disparou a segunda.

A publicação não teve apenas comentários negativos. “Tanta coisa para cancelar e reclamar, tão cancelando a Juliana Paes porque ela gosta da segunda feira", apoiou uma seguidora. “A Juliana Paes tem umas falas bem problemáticas, mas a galera pega um povo pra Cristo. Velho, deixa a mulher comemorar a segunda, a terça, a quarta, o começo da semana, do mês, do ano… Dane-se!", apoiou a internauta. Depois de dividir opiniões, ela apagou o tweet.

OUTRA POLÊMICA

Não é de hoje que Juliana Paes vem sendo criticada pela internet. Na época da CPI da covid-19, ela foi uma das pessoas mais comentadas no Twitter após o seu posicionamento sobre o tratamento que os senadores tiveram com a Nise Yamaguchi na CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito).

A médica é uma defensora do tratamento precoce contra o novo coronavírus por meio da hidroxicloroquina - mesmo que não exista comprovação científica para tal prática. Inclusive, estudos já identificavam que a medicação poderia causar malefícios.

Nos Stories do Instagram, na época, Juliana declarou que não gostou da maneira como Nise foi tratada. “Show de horrores e boçalidades na #CPIdaCovid. Certa ou errada… não importa! Intimidação, coação… fala interrompida… mulher merece respeito em qualquer ambiente”, escreveu.

{# Taboola Newsroom #}