AnaMaria
Famosos / Tristeza

Lília Cabral faz homenagem emocionante para Nicette Bruno: ''Estou muito triste''

Atriz lamentou a morte da colega de profissão: ''Todos queriam ser filhos da Nicette''

Da Redação Publicado em 20/12/2020, às 15h52 - Atualizado às 15h53

Lília lamentou a morte de Nicette nas redes sociais - Divulgação: TV Globo/ Globo: João Miguel Júnior
Lília lamentou a morte de Nicette nas redes sociais - Divulgação: TV Globo/ Globo: João Miguel Júnior

Lília Cabral usou as redes sociais, na tarde deste domingo (20),  pala lamentar a morte de Nicette Bruno

No Instagram, a atriz homenageou a colega de profissão, que faleceu aos 87 anos de idade após complicações da Covid-19. 

"Todas às vezes que encontrei a Nicete, tinha sempre um sorriso lindo no rosto! Adorável Nicete, encantadora como atriz, como mulher e como mãe! Todos queriam ser filhos da Nicete. Muitos tiveram a oportunidade de ter uma avó como a Nicete, quando fez lindamente a Dona Benta", começou.

Lília ainda fez questão de exaltar o talento da veterana: "Quantas novelas, quantas peças e quanto talento! Meus sentimentos a família um beijo enorme com o meu respeito e admiração, e eu posso dizer de coração, estou muito triste", lamentou.

MORTE
A atriz Nicette Bruno, de 87 anos, morreu neste domingo (20), após complicações da covid-19. A atriz foi internada na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) em 29 de novembro, no Rio de Janeiro, depois de testar positivo para o vírus, contraído durante uma reunião familiar.

“Nós moramos no mesmo condomínio. Mamãe tem a casa dela e eu a minha. Estou sempre com ela, somos muito ligadas, fazemos aulas juntas. E ela ficou nesses 10 meses totalmente protegida, numa redoma. Mas às vezes acontecem coisas que saem do controle. Semana passada, ela recebeu a visita de um parente, que não sabia estar infectado e, infelizmente, transmitiu o vírus para ela”, explicou Beth Goulart, filha da atriz, assim que ela foi para o hospital.

Nas semanas que precederam sua morte, Bruno foi sedada, dependia da ventilação mecânica para respirar e realizou hemodiálise, tratamento que consiste na remoção do líquido e substâncias tóxicas do sangue. Apesar da medida ter tido algum efeito, seu estado continuou grave.