AnaMaria
Famosos / Novos horizontes

Luciana Gimenez revela que já rejeitou convite para trabalhar nos Estados Unidos

A apresentadora Luciana Gimenez disse que almeja novas oportunidades fora da Rede TV

Da Redação Publicado em 28/02/2022, às 12h05

Luciana Gimenez se diz preparada para deixar a Rede TV e tentar novos desafios. - Instagram/@luciagimenez
Luciana Gimenez se diz preparada para deixar a Rede TV e tentar novos desafios. - Instagram/@luciagimenez

Luciana Gimenezrevelou que está pronta para deixar a Rede TV! e entrar em uma nova emissora. A apresentadora disse que busca o desafio de se reinventar e que quer novas oportunidades em sua carreira, já mirando os canais de streams.

Em entrevista ao Splash, do portal UOL, Luciana contou que já foi convidada para trabalhar nos Estados Unidos, em que assumiria uma vaga no  programa “The View”, ao lado de nomes de peso, como Whoopi Goldberg e Barbara Walters. No entanto, ela rejeitou: “Tive convites e não fui, infelizmente”. 

Embora não tenha aceito, ela confessou que se arrependeu da escolha, uma vez que perdeu uma grande oportunidade de fazer algo diferente. “Se arrependimento matasse, eu não estaria aqui”, disse a morena.

Mesmo assim, ela ainda pretende sair da zona de conforto. Ela ressaltou que pode apresentar programas  em diversos idiomas, como inglês, italiano e francês, e que falar três idiomas a colocaria à frente de muitas pessoas, levando o nome do Brasil mundo afora.

Agora, Luciana retorna ao seu programa, o “Super Pop”, depois de dois anos afastada por causa da pandemia de covid-19.

O COMEÇO

A apresentadora, que hoje se mostra mais reflexiva e disposta a mudar sua carreira, está à frente do ‘Super Pop' desde 1999, e tem festejado o pioneirismo e o tempo da atração na Rede TV!. Ainda na entrevista, Luciana destacou que sempre falou de assuntos que hoje são discutidos na sociedade, tais como preconceito e discriminação. 

CRÍTICAS NA WEB

Luciana Gimenez foi muito criticada por causa do presidente Jair Bolsonaro. Antes que o militar assumisse a presidência do país, ela foi acusada de dar muito espaço para ele em seu programa. 

Entretanto, a apresentadora rebateu dizendo que o presidente era somente um convidado. “Sou só apresentadora de televisão. Se ele ganhou ou não, aí já não é comigo”, disparou, ressaltando que não tem nada a ver com Bolsonaro ou com política.