AnaMaria
Famosos / Famosos

Luisa Mell é vítima de ameaças do ex-marido após divórcio: ''Anos sofrendo''

A ativista relatou uma “organização criminosa”, comandada pelo homem, para “destruir” sua reputação

Da Redação Publicado em 10/10/2021, às 09h03 - Atualizado às 09h04

Luisa Mell faz desabafo nas redes sociais - Reprodução/Instagram
Luisa Mell faz desabafo nas redes sociais - Reprodução/Instagram

Luisa Mell fez um longo desabafo sobre o fim de seu relacionamento com Gilberto Zaborowsky, no último sábado (9). Em suas redes sociais, ela revelou que está sendo vítima de atitudes do ex-marido para acabar com sua integridade. O anúncio vem meses após ela relatar ter sofrido violência médica e entrar com o pedido de divórcio.

No texto compartilhado pela ativista, ela alega que sempre sofreu violência dentro de casa, durante os anos de casamento, mas nunca enxergou. O ato de “aguentar firme”, segundo Mell, foi sempre pensando no bem-estar do filho.

“Sempre que lemos notícias de mulheres abusadas, imaginamos isso com as outras, nunca dentro da nossa casa. Infelizmente, violência contra a mulher é uma cultura (...). E agressão também se faz com palavras, atitudes e manipulações e nem sempre quem está presa em um relacionamento abusivo percebe isso”, iniciou ela.

Mesmo depois de sair de casa e pôr um fim nos abusos, as ameças continuaram, de acordo com a ativista.

“Agora que criei coragem de sair, de denunciar e falar sobre o assunto, estou sendo vítima de uma verdadeira organização criminosa financiada pelo meu ex-marido para destruir a minha reputação. Financiando jornalistas sensacionalistas que estão a venda, munindo pessoas sobre nossa intimidade como casal, estão criando todos os tipos de mentiras para me atacar. Sem escrúpulo algum e no momento mais frágil da minha vida”, afirmou.

“Mas eu sou forte e vou lutar, mesmo não tendo todo o poder e dinheiro dele, mesmo me sentindo violentada por essas pessoas, mesmo tendo sido mutilada desacordada e contra minha vontade. Que a minha voz ecoe e ajude outras mulheres a se levantaram, a denunciarem a violência. Não podemos estar sozinhas!”. concluiu Luisa.

Confira a publicação feita por Luisa Mell: